Friburgo firma parceria para conservação das águas e cabeceira do Rio Macaé no município

Publicado em 08/01/2014 Editoria: Meio Ambiente

O prefeito de Nova Friburgo - região serrana fluminense - Rogério Cabral recebeu em seu gabinete o supervisor da Emater Rio-Nova Friburgo, Affonso Henrique de Albuquerque Júnior, e o secretário municipal de Agricultura, José Carlos Siqueira, para assinatura de um convênio. O contrato entre o Comitê de Bacias, a Agência Nacional de Águas, a Agência de Águas do Comitê do Rio Macaé e a Prefeitura prevê uma parceria pela conservação das águas e da cabeceira do Rio Macaé em Nova Friburgo.

O supervisor da Emater Rio-Nova Friburgo ressaltou que essa parceria visando a conservação dos recursos de água é importante para o município visto que a erosão hídrica é a principal causa da degradação dos solos em ambientes tropicais e subtropicais, sendo que no Brasil as altas taxas de erosão devem-se, principalmente, ao desmatamento de encostas e margens de rios, queimadas, uso inadequado de maquinários e implementos agrícolas e à falta de utilização de práticas convencionais na agricultura, com reflexos diretos sobre os rios.

Para que o projeto de conservação das águas do Rio Macaé em Nova Friburgo seja posto em prática, será feito um diagnóstico sócio-ambiental da região do alto curso do Rio Macaé no município. Também será feito um levantamento com produtores e proprietários de imóveis rurais que queiram participar voluntariamente do projeto.

Para o Rogério Cabral, a partir da assinatura deste convênio, os agricultores poderão participar ativamente na preservação das águas no município. “Cobra-se muito o produtor rural para que ele faça a preservação das nascentes e das matas, sem que ele seja recompensado por isso. E esse projeto veio para atender aos produtores rurais e também para manter as matas virgens e as nascentes d’água preservadas. É um projeto que ganham todos que defendem o meio ambiente e eu sou um defensor, tanto do produtor rural quanto da mata atlântica” – finalizou o prefeito.

VF 

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)