Macaé oferece laboratório veterinário gratuito

Publicado em 13/08/2019 Editoria: Geral
A capacidade é de 15 animais no período da manhã e 15 no período da tarde, sempre por ordem de chegada

A capacidade é de 15 animais no período da manhã e 15 no período da tarde, sempre por ordem de chegada

Cerca de seis mil animais de pequeno porte - entre cães e gatos - são assistidos por ano no Ambulatório de Atendimento Médico Veterinário de Macaé, que fica localizado no Parque de Exposições Latiff Mussi Rocha. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, de 8h às 11h30 e de 13h30 às 16h30. O tratamento é ambulatorial e o serviço é gratuito, voltado para a população de baixa renda. A capacidade é de 15 animais no período da manhã e 15 no período da tarde, sempre por ordem de chegada.

As principais doenças assistidas na clínica são verminoses, sarna, doenças de carrapato e fungos. Curativos, orientações e, caso necessário, administração da vacina antirrábica também são alguns dos trabalhos oferecidos. O ambulatório não oferece cirurgias, exames ou internações.

Durante os meses mais frios do ano, muitos cães adquirem cinomose (doença viral) e os filhotes de cães apresentam quadro de verminose. Já entre os gatos é comum haver problemas urinários. "Nosso atendimento é humanizado. Procuramos diminuir a dor não só do animal, mas, também, a dor emocional provocada no dono do animal", pontuou Paulo Barros, coordenador do Ambulatório.

Usuários elogiam atendimento

O morador do bairro Barramares, Paulo Rangel, conta que é a primeira vez que procura o ambulatório do Parque de Exposições Latiff Mussi Rocha, para vacinar os seus dois cães: a Lilica e o Bolinha.

"Se eu tivesse que pagar pela vacina antirrábica seria muito difícil no momento, pois estou desempregado. Estou gostando muito do atendimento", disse.

Já o pintor industrial, Felipe Macedo, conta que utiliza o ambulatório há quatro anos, idade do seu animalzinho, a Mel, que está prenha e apresenta sangramento.

"Fiquei preocupado e a trouxe para ser examinada pelo veterinário. Todas as vezes que procurei o serviço sempre fui bem orientado, inclusive quando a minha cachorrinha teve ferimentos no olho",  contou.

O auxiliar de Instrumento, Gabriel Ribeiro, levou uma cachorra que encontrou na obra onde trabalha, para ser atendida pela veterinária.

"Nossa equipe de trabalho a encontrou machucada e resolvemos trazê-la. Foi constatado que fraturou a pata e necessita de cuidados especiais. Depois que ela se recuperar vamos arranjar um lar para o animalzinho", explicou.

Serviço

O espaço conta com sala de espera, parte externa e interna, além da área de atendimento. O Parque de Exposições Latiff Mussi Rocha está localizado na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), s/nº, bairro São José do Barreto. A marcação tem que ser feita pessoalmente com a presença do animal.

› FONTE: Secom Macaé