FPSO cidade de Itajaí alcançã a marca de 100 milhões de barris produzidos

Publicado em 16/04/2019 Editoria: Economia
Primeiro navio-plataforma da parceria entre Ocyan e Teekay Offshore, CDI é destaque de segurança

Primeiro navio-plataforma da parceria entre Ocyan e Teekay Offshore, CDI é destaque de segurança

Com seis anos de operação, o FPSO Cidade de Itajaí alcançou na semana passada (07/04) a marca de 100 milhões de barris de óleo produzidos no Campo de Baúna, na Bacia de Santos. Operado pela joint-venture 50/50 TK-Ocyan (parceria entre a Ocyan e a Teekay Offshore), o navio-plataforma apresenta índices de segurança e performance que reforçam o sucesso da embarcação.

O ativo é capaz de atuar em lâmina d’água de até 1.000 metros de profundidade, tem capacidade para produzir 80 mil barris de petróleo diários e comprimir e reinjetar dois milhões de metros cúbicos de gás por dia. O FPSO se destaca por um excepcional desempenho de uptime (índice de eficiência) operacional desde o início da operação. Atualmente, o FPSO Cidade de Itajaí está afretado para a Petrobras até 2022, com opção de renovação do contrato por até 6 anos adicionais.

“Atingir esse marco de produção é um grande orgulho para nós. O FPSO Cidade de Itajaí representa a consolidação da Ocyan como operador de unidades flutuantes de produção de petróleo no Brasil, um importante passo para nossa empresa como provedor de serviços integrados na cadeia de produção offshore”, destaca Jorge Mitidieri, diretor superintendente da Unidade de Negócios de Serviços Integrados Ocyan.

Outro indicador favorável do FPSO é a marca de um ano sem acidentes registráveis (com ou sem afastamento) a bordo, atingido no final de fevereiro o que reforça a qualidade do planejamento desde o início do projeto. “Estamos há mais de 400 dias sem acidentes registráveis. Nosso recorde anterior foi de 1.052 dias. Esse resultado é fruto de um trabalho extenso e contínuo, de engajamento da equipe desde o início da operação, demonstrando a seriedade do trabalho e o comprometimento de todo o time da TK-Ocyan”, destaca Clarice Romariz, diretora da joint-venture TK-Ocyan.

Chris Brett, Presidente da Teekay Offshore Productions, afirma que “Este é um marco significativo para a Teekay Offshore, já que o FPSO da Cidade de Itajaí foi nosso terceiro ativo a iniciar operações no Brasil e solidificou nossa presença nesse importante mercado. Nosso interesse no mercado brasileiro de FPSO continua forte e com a excepcional segurança e desempenho operacional registrados no FPSO Cidade de Itajaí, sabemos que nosso futuro é brilhante no Brasil.”

Já o Vice-Presidente Sênior de Operações da Teekay Offshore Productions e membro do Conselho da joint venture, Arne Bye, disse: "Os mais de 30 anos de experiência da Teekay na operação de FPSOs, aliada aos outros serviços oferecidos pela Ocyan, são a combinação perfeita para desenvolver um forte fornecedor de serviços de petróleo e gás no mercado brasileiro. Temos muito orgulho do desempenho de segurança, operacional e eficiência de nossos funcionários em terra e no mar.”

Parceria de Sucesso

Construído no estaleiro Jurong, em Singapura, o FPSO Cidade de Itajaí chegou ao Brasil em 29 de dezembro de 2012. O início da operação foi em 16 de fevereiro de 2013. O Cidade de Itajaí é a primeira unidade de produção operada pela joint-venture TK-Ocyan, que hoje conta ainda com o FPSO Pioneiro de Libra, locado no Campo de Mero, no Bloco de Libra, maior reserva do pré-sal brasileiro.

“A parceria entre a Ocyan e a Teekay Offshore é um grande sucesso, com dois excelentes navios em operação.  Buscamos seguir trabalhando juntos para aproveitar as oportunidades de crescimento do mercado brasileiro no futuro”, comemora a executiva.

Liderança feminina

Além da Clarice Romariz, outra mulher se destaca na liderança do FPSO Cidade de Itajaí, a engenheira mecânica Nathalia Souza Teixeira, de 31 anos, que comanda as atividades da embarcação desde novembro de 2018. A equipe é composta por cerca de 60 integrantes a bordo e 25 onshore (em terra), além da equipe compartilhada entre as duas Unidades em operação. Nathalia é formada pela Universidade Federal de Minas Gerais e iniciou a carreira na Ocyan em 2014.

Sobre Ocyan

A Ocyan é uma empresa com atitude sustentável que provê soluções para a indústria de óleo e gás upstream offshore no Brasil e no exterior. Seus principais valores são a segurança dos integrantes e da operação, a parceria de confiança com os clientes e o compromisso com a ética e a transparência. A companhia encoraja também a diversidade e inclusão dentro e fora da empresa. A Ocyan dispõe atualmente de uma frota de seis unidades de perfuração, dois navios PLSV (pipe laying support vessel) e duas embarcações FPSO (floating, production, storage and offloading), com destaque para o FPSO Pioneiro de Libra. Além disso, desenvolve projetos SURF, fabricação e instalação de equipamentos submarinos e presta serviços de manutenção offshore. Mais informações: www.ocyan-sa.com

Sobre a Teekay Offshore Partners L.P.

A Teekay Offshore Partners L.P. é uma fornecedora internacional de serviços de transporte marítimo, produção e armazenamento de petróleo, reboque de longas distâncias, instalação e manutenção offshore e serviços de segurança para a indústria petrolífera, focada principalmente nas atividades relacionadas à produção de petróleo dos seus clientes, operando nas regiões offshore do Mar do Norte, Brasil e Costa Leste do Canadá. A Teekay Offshore é estruturada como uma companhia aberta de responsabilidade limitada com ativos consolidados de aproximadamente US$ 5,7 bilhões, compostos por 64 ativos offshore, incluindo unidades FPSO, navios-petroleiros, unidades FSO, unidades de manutenção e segurança (UMS), reboques de longa distância, navios de instalação offshore e navios-tanque convencionais. A maior parte da frota da Teekay Offshore possui contratos estáveis de prazo médio. As ações da Teekay Offshore são negociadas na Bolsa de Valores de Nova York sob o símbolo “TOO”.

CDN Comunicação

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)