Macaé News
Cotação
RSS

3ª Semana Literária de Quissamã foi um sucesso

Publicado em 01/09/2014 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


3ª Semana Literária de Quissamã terminou nesta sexta-feira (29), após três dias de intensa programação baseada no tema “Monteiro Lobato e Dorival Caymmi: um legado de sonhos, contos, cantos e encantos”.

Recheado de atrações que reuniram cerca de 1.600 alunos da Educação Infantil até o 9º ano de escolaridade das 16 escolas da Rede Municipal de Ensino, além de gestores, equipes técnicas e artistas e músicos quissamaenses, o evento que aconteceu no auditório da Prefeitura, foi organizado pela Coordenação de Ensino da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) com a parceria das coordenadorias de Comunicação Social, Cultura e das secretarias de Governo e Esporte e Lazer.

Ocorreram exibições de coral, esquetes teatrais, monólogos, animações culturais, interpretações musicais, contação de histórias, coreografias, maculelê e jongo, dentre outras atividades, nas quais artistas locais se superaram mais uma vez este ano, arrancando elogios da plateia pela qualidade de suas performances que abrilhantaram as apresentações da festa literária.

Os personagens de Monteiro Lobato e o universo do Sítio do Picapau Amarelo com a presença da Emília, do Jeca tatu, da Cuca, do Saci Pererê e do Rabicó, entre outros, encantaram a todos, bem como a musicalidade e baianidade de Dorival Caymmi que tomaram conta do ambiente onde se respirava educação aliada à cultura. Havia ainda, uma exposição com livros, charges e reportagens referentes ao músico e ao escritor no hall de entrada do auditório.

Uma homenagem póstuma ao professor de teatro David Moreira emocionou o público neste último dia do evento. Um de seus ex-alunos, Igor Costa recitou poema referenciado-o. Também foi apresentado um vídeo dirigido por Carol Moura com depoimentos de colegas do Centro Cultural Sobradinho e diversos ex-alunos de David, que interpretava o palhaço Alegria e a drag queen Laysa Liza (personagem mais famoso dele), e trabalhava em Quissamã na ocasião em que faleceu. Numa das declarações mais emocionantes foi destacada uma forte característica do diretor teatral: &39;A primeira missão do David era arrancar sorrisos&39;.

As coordenadoras de leitura da SEMED, Rosângela Barcelos, Andréa Trindade e Maria Josefa Pessanha que estiveram à frente da organização da Semana Literária explicaram que o evento é a culminância dos trabalhos realizados nas salas de leitura em conjunto com os projetos escolares.

“Percebemos que o tema foi muito bem trabalhado nas escolas que estão de parabéns, pois foi visível o desenvolvimento da oralidade nas apresentações e nesses dias nós sonhamos, contamos, cantamos e encantamos. Esse foi o grande legado que fica, a importância da leitura que proporcionou o sucesso dessa 3ª Semana Literária que se tornou realidade devido ao trabalho em equipe e às parcerias não só com setores da administração municipal, mas com o apoio incondicional da comunidade que também nos prestigiou, especialmente, na figura dos pais dos alunos”, concluíram as coordenadoras de leitura.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário