Macaé News
Cotação
RSS

Curso “A arte de contar histórias-Contadores de histórias mirins” é lançado na rede municipal

Publicado em 18/08/2014 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


João Barreto

João Barreto

Reforçar o interesse pela leitura, revelar talentos e capacidades de expressão oral e interpretação. Este é um dos objetivos do curso “A arte de contar histórias-Contadores de histórias mirins”, que foi lançado nesta sexta-feira (15), na sede da Secretaria de Educação. A contação, que aguça imaginação, também integra alunos nas salas multiuso, salas de leitura e bibliotecas das escolas municipais.
 
A nova programação, ministrada pelos integrantes do Grupo de Referência de Leitura e Formação de Leitores, é dirigida aos alunos das turmas de 6º ao 9º ano de escolaridade da rede municipal. O curso acontece semanalmente até o dia 17 de outubro, na sede da secretaria de Educação, situada na rua Antero Perlingeiro, 402, Centro. Os estudantes participam do módulo no horário divergente ao das aulas.
 
Entre os mais empolgados estavam os alunos da unidade municipal Carolina Curvello Benjamim (Trapiche), Matheus Almeida, Ellen da Silva Ribeiro e Thaiana Mesquita. Os alunos, que saíram da  Serra, afirmaram que a expectativa para o módulo é das melhores. “Quero aprender a contar histórias da melhor forma e me expressar melhor diante do público. Estamos muito animados”, contou Ellen.
 
A aluna do curso de Formação de Professores, Leyana Xavier, afirmou que esta é uma oportunidade que vai levar para toda a vida. “Só tenho que agradecer à Secretaria de Educação. Quero me tornar contadora de histórias para poder trabalhar com a Educação Infantil, quando eu me formar”, falou.
  
O primeiro dia do curso, ministrado pelas dinamizadoras Ana Paula Mattos e Giselle Souza, foi marcado por dinâmicas como “História do nome”, “Medo do Desafio” e “O que vou levar na mala”.  Na oportunidade foram apresentadas leituras variadas e o vídeo “Os tapetes”. 
 
Os integrantes também terão acesso a aprendizagem de diferentes formas de contação de histórias, utilização de música e sons nas narrativas, exercícios, flexibilidade, jogos e técnicas, apresentações e espetáculos, ritmos e sons e as diversas formas de contar histórias. Antes do término do curso, os estudantes e futuros contadores também vão participar de uma apresentação especial.  
 
Rinha
 
Outra novidade é que no dia 21 alunos da rede municipal terão a oportunidade de participar de uma programação especial voltada para contação de histórias. O evento vai acontecer na Rinha das Artes, das 8h  às 12h, e das 13h às 17h. A rinha realizará neste sábado (16), diversas apresentações de esquetes, a partir das 20h. O local situado na rua Júlio Olivier, 633, Centro, é reconhecido por ser um espaço alternativo direcionado às artes e ao fomento da cultura local.
 
A subsecretária de Educação na Saúde, Cultura e Esporte, Mônica Couto, avaliou que o valor do módulo não é apenas pedagógico. “É maravilhoso ver estes jovens interessados em uma formação voltada para emoções, ideias, reflexões e apresentações de fatos vividos até mesmo por eles. Este será um trabalho potente, pois neste período, em que alunos do 6º ao 9º, que estão cada vez mais antenados com a tecnologia e outros recursos, se interessam em contação de histórias, que hoje faz parte do mercado voltado para economia criativa”, finalizou.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário