Macaé News
Cotação
RSS

Acessórios se tornam referência de estilo e personalidade no mundo da moda

Publicado em 01/08/2014 Editoria: Entrevista sem comentários Comente! Imprimir


Os maxi brincos e colares e a onda do pulseirismo (mix de pulseiras) continuam em alta, como as peças da modelo Isabele Accioli

Os maxi brincos e colares e a onda do pulseirismo (mix de pulseiras) continuam em alta, como as peças da modelo Isabele Accioli

Fugir do básico é, atualmente, o que grande parte das mu­lheres querem fazer quando se trata de compor uma produção, seja para o trabalho ou para um passeio com amigos. Até porque, o mundo da moda traz hoje no­vas composições, novas téc­nicas e diferentes materiais, principalmente, em referên­cia aos acessórios. Que mu­lher não gosta de dar aquele up no visual com uma bela bijuteria? E tudo fica mais especial quando o trabalho é realizado com paixão até che­gar ao produto final.

Formada em publicidade há sete anos, Marcelle Mar­ques, que atualmente mora em Unamar, tem paixão por acessórios desde criança. Ela, que já residiu em Rio das Ostras, conta que gostava de confeccionar colares e pulsei­ras de miçangas para as ami­gas e vender na escola. Com o tempo, a jovem descobriu também o gosto pela moda e daí começou a pesquisar so­bre como usar acessórios e as tendências que surgiam nas novelas e filmes. “Em todo meu período de trabalho com publicidade, as pessoas elo­giavam muito as peças como os brincos grandes, pulseiras e colares que fazia para mim e, sugeriam que produzisse mais para vender. Tudo isso começou a tomar um rumo maior em 2010, quando criei minha marca Areia Branca”, conta Marcelle, que já fez um curso de extensão em Design e Moda e, há dois meses dei­xou seu trabalho na Petro­bras para se dedicar à marca.

A jovem empresária con­fecciona algumas peças, mas como não tem tanto tempo, ela também conta com um fornecedor. O diferencial da marca, segundo ela, é a mis­tura de estilos diferentes de mulheres. “Hoje a moda mos­tra tendências e as pessoas buscam mostrar sua perso­nalidade dentro da moda. As mulheres querem mostrar seu estilo próprio e os aces­sórios complementam esse desejo interior de externar as emoções. A cada criação de uma coleção, o intuito é le­var a felicidade para elas, que são vaidosas por natureza e gostam de mostrar sua femi­nilidade nas cores e no estilo para despertar olhares e sor­risos de outras pessoas e até de si mesma”, destaca.

Marcelle Marques já está com nova coleção da Areia Branca e diz que o vintage estará em alta na temporada primavera/verão. São peças que misturam estilos dos anos 60, com detalhes ro­mânticos como tecidos, laços e pérolas; dos anos 70, tra­zendo um estilo hip chic, com peças com franja e mistura de metais e, por fim, os anos 80, com a onda Madonna, das correntes em prata. “Na nova estação vai continuar tudo maxi, em brincos, colares e pulseiras, muito metal com pedras de resina, coloridas e outras misturas de materiais. Mas as mulheres não preci­sam ter medo de usar, é só saber dar um equilíbrio ao vi­sual”, comenta a empresária, lembrando que agenda visi­tas para quem se interessar em conhecer as peças.

Quanto às cores, Marcelle destaca a ônix e as color cands, que lembram as cores de do­ces como vermelho, coral, verde água e verde hortelã. O branco e azul também es­tarão em destaque. A grande tendência em acessórios são os brincos tipo leque com franjas e as tiaras e head­bands, que prometem fa­zer a cabeça das mulheres na nova estação. Segundo Marcelle, além de charmo­sos e complementarem o look, os acessórios de cabe­lo que surgem com detalhes em pedras, flores, couro e pérolas, podem ser usados com cabelos soltos, coques e até rabos de cavalo, dando um toque estiloso e desco­lado no visual sem precisar de muita elaboração. “Assim como as tiaras e headbands, existem acessórios para vá­rios estilos e ocasiões, peças versáteis e democráticas que podem ser combinadas com looks desde românticos aos mais roqueiros, para o dia a dia, balada e festas glamou­rosas. O que não faltam são opções para mulheres que querem mostrar sua beleza, feminilidade e personalida­de”, conclui Marcelle, que além da página no facebook, agora também está na fase de produção do seu site institu­cional Areia Branca.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário