Macaé News
Cotação
RSS

Centro Dia: referência em atendimento aos idosos em Campos

Publicado em 23/07/2014 Editoria: Saúde sem comentários Comente! Imprimir


Cerca de 2.700 idosos são atendidos por mês, no Centro Dia, que funciona na Travessa Santo Elias, no Jardim Carioca. A unidade conta com os serviços de endocrinologia, angiologia, cardiologia, clínica médica, geriatria, urologia, ginecologia, dermatologia, reumatologia, ortopedia, psicologia, odontologia e fisioterapia. Novos serviços serão implantados, como coleta de sangue para exames laboratoriais e atividades complementares, como cinema e aulas de violão. O atendimento ambulatorial acontece de segunda a sexta, das 7h às 17h.

Segundo o secretário dos Direitos do Idoso, Gilson Gomes, 14 pessoas da terceira idade são internas, que ficam na unidade de segunda a sexta, das 7h às 19h, onde recebem café da manhã, são medicadas, almoçam, lancham e jantam, para depois retornar às casas. A ida e o retorno destes idosos são realizados por uma van equipada e segura, além de receber um acompanhamento de um fisioterapeuta, fonoaudiólogo, nutricionista e terapeuta ocupacional.

- A nossa ideia é ofertar qualidade de vida para os idosos. Por isso, em breve estaremos aumentando a oferta de atividades e serviços, para que esses idosos possam se interagir durante o período em que estão no Centro Dia - informou Gilson, acrescentando que há seis vagas disponíveis para completar a capacidade dos 20 internos. Para isso, uma equipe multidisciplinar do Centro Dia realiza visitas aos imóveis dos idosos que estão na fila de espera.

Um dos internos é o aposentado Jorge Almeida, 65 anos. Ele disse que quer morar no Centro Dia. “Aqui é muito bom, somos muito bem tratados, com dignidade”, afirmou.
A aposentada Josélia Pessanha Rangel, 65 anos, disse que depois que passou a fazer as sessões de fisioterapia na unidade está se sentindo bem melhor. “Eu tive um AVC (Acidente Vascular Cerebral) e fiquei sem andar. Agora consigo me apoiar na muleta e estou começando a andar, mas isso só foi possível depois do atendimento no Centro Dia”, relatou.

Já a aposentada Leonice Gomes Barreto, 64 anos, contou que participa das aulas rítmicas que acontecem as terças e quintas, das 8h às 9h. “Gosto muito de participar. Sem contar que o atendimento dos médicos aqui é maravilhoso e sempre consegui pegar remédios na farmácia tanto para mim quanto para o meu esposo”, contou.

A coordenadora do Centro Dia, Janete Lima Klein, informou que as pessoas com idade acima de 60 anos podem procurar o espaço e se cadastrar. Para isso, é necessário levar a cópia da identidade e do CPF, comprovante de residência e a carteirinha do SUS. “O idoso que chega ao Centro Dia, passa por uma triagem com a equipe de enfermagem, para a confecção do cadastro e depois pode marcar as consultas que são realizadas no Centro Dia”, disse.

› FONTE: SECOM


sem comentários

Deixe o seu comentário