Macaé News
Cotação
RSS

Mais evidente no verão, temida celulite eleva procura por tratamentos estéticos

Publicado em 10/01/2014 Editoria: Beleza sem comentários Comente! Imprimir


Michelle Neto/RJNEWS

Michelle Neto/RJNEWS

» Segundo a dermatologista Tatiane Viegas, tratamentos devem estar associados à atividade física e boa alimentação
 
Se tem uma coisa que incomoda sempre as mulheres durante o verão é a celulite. Ainda mais porque os temidos “furinhos” na pele ficam mais evidentes por conta de roupas mais curtas e exposição do corpo nas praias. Esta é uma época em que muitas pessoas buscam o corpo perfeito, uma perna e um bumbum mais bonitos. Hoje, existem vários tratamentos estéticos que ajudam satisfatoriamente na redução de celulites, embora seja preciso entender que não fazem milagres.
 
A vontade de combater esse mal, aumenta o movimento nas clínicas de estética e beleza. Segundo a dermatologista de Rio das Ostras, Tatiane Viegas, a mulher precisa colocar em mente que a celulite é um problema que não tem cura e nenhum tratamento proporciona um resultado definitivo. Ela explica que a celulite nada mais é do que uma desordem metabólica - depósito de gordura mais alteração da circulação. “Antes de qualquer coisa, as mulheres precisam mudar os hábitos de vida, associando atividade física com uma alimentação adequada. É importante a ingestão de líquidos, diminuir o sal, que causa edema e inchaço na pele, e o açúcar que acumula gordura”, ressalta a médica, lembrando que há tratamentos que não fazem a tonificação da musculatura, por isso, o exercício físico é essencial.
 
A dermatologista diz ainda que a celulite é classificada em vários graus e a ajuda que a mulher pode ter dentro de uma clínica são tratamentos que podem diminuir o depósito de gordura e ativar a circulação, como o ultrasson, a lipocavitação, o infravermelho, que dá uma textura melhor para a pele, e aparelhos que trabalham com endermoterapia, que ajuda no funcionamento da circulação. “O que a mulher pode esperar desses tratamentos é a redução do grau da celulite. Nenhuma máquina faz milagre e a clínica é uma coadjuvante no processo no qual a mulher se propõe”, acrescenta.
 
A auxiliar de serviços gerais, Georgina da Silva Gomes, faz tratamento para celulite e diz que se sente bastante inco-modada com este problema. “Nesta época, principalmente, a vaidade feminina fala mais alto e é bom estar se cuidando. O resultado está sendo muito bom pra mim”.
 
NOVO TRATAMENTO
Entre diversos tratamentos, uma das novidades é o crio lipolise. De acordo com a esteticista Ana Rosa Oliveira, o aparelho congela a gordura localizada. O resultado final vem após 40 dias, reduzindo de 20 a 25% de gordura da região tratada. “A flacidez também é um incômodo para as mulheres e o aparelho de rádio frequência trabalha a parte de colágeno, dando mais firmeza à pele, tanto para o rosto quanto para o corpo. O resultado é uma textura de pele mais bonita”, completa.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: