Macaé News
Cotação
RSS

Altas temperaturas exigem melhor conservação de alimentos

Publicado em 10/01/2014 Editoria: Saúde sem comentários Comente! Imprimir


Michelle Neto/RJNEWS

Michelle Neto/RJNEWS

» Para não comprometer a saúde, cuidados com alimentos devem ser tomados em casa e nas ruas
 
Durante o verão, com o aumento da temperatura, é importante ter um maior cuidado com a alimentação. Como nesta época os alimentos estragam mais rápido, cuidar do armazenamento e conservação de produtos é fundamental. Quando as precauções essenciais não são tomadas podem ocorrer alguns problemas de saúde, como vômito e diarréias.
 
Esse tipo de cuidado com os alimentos deve se ter não só em casa, mas também nas ruas e estabelecimentos comerciais. O empresário do setor, Romy Machado, de Rio das Ostras trabalha muito com vegetais, frutas, sanduíches, iogurte e polpas, e, por isso, tem preocupação com a conservação dos alimentos para oferecer serviço de boa qualidade, de forma que contribua para uma alimentação mais saudável às pessoas. “Trabalho com comidas naturais e light e procuro manter sempre os alimentos em temperatura bem fresca. Os vegetais e as frutas são bem lavados e tento mostrar também aos clientes como comer bem, com ambiente limpo e aberto para que as pessoas possam ver o que e como estou preparando tudo”, declara o proprietário do Carioca Fruit Mix.
 
No verão, também ocorre problemas com os excessos alimentares. De acordo com a nutricionista, Gilcia Palhares, de Rio das Ostras, em qualquer época do ano, é necessário ter cuidado com a escolha dos alimentos consumidos nas ruas. Ela orienta que o ideal é evitar o consumo de alimentos expostos a céu aberto, principalmente, frutos do mar. “É preciso certificar- se ainda se os produtos estão bem armazenados, como por exemplo, sanduíches que podem apresentar o pão úmido e alimentos com molhos a base de maionese ou creme de leite, que devem ser evitados, por serem muito perecíveis. Já os picolés de frutas são alimentos bem seguros e muito bem vindos nesta época, pois são fáceis de encontrar e ajudam a hidratar o corpo, além da ingestão de muita água”, ressalta Gilcia.
 
Quanto ao armazenamento de alimentos, a nutricionista destaca que em épocas quentes o melhor é armazenar frutas e vegetais que estiverem maduras na gaveta da geladeira, colocando em sa - cos plásticos abertos para que possam resfriar e secar bem, após uns 15 minutos, os sacos podem ser fechados. Em relação aos vegetais, lembrar sempre de remover todas as fitas apertadas que os envolvem ou, pelo menos, soltá-las para que eles possam respirar.
 
DICAS PARA OUTROS ALIMENTOS
 
» Queijos Frescos: minas frescal, cottage, ricotta, são queijos com alto teor de umidade, que desprendem soro facilmente. Para melhor conservá-los, coloque-os dentro de um pote hermeticamente fechado e consuma em no máximo cinco dias depois da compra. Não coloque queijos diferentes em um mesmo recipiente para guardá-los, pois pode alterar o sabor de cada um deles. Ficar de olho na validade impressa na embalagem.
» Vegetais verdes escuros, frutas e água de coco são ótimos alimentos para ajudar a desintoxicar o organismo. Esses alimentos podem ser consumidos em forma de saladas ou de sucos, ou mesmo inseridos nas refeições diariamente.
» Um suco fácil de fazer e que ajuda na desintoxicação e evita retenção de líquidos é: 200 ml de água de coco ou água gelada; suco de 1 limão; 1 folha de couve, 1 fatia de melão, maçã ou abacaxi; bater todos os ingredientes no liquidificador e tomar em seguida.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário