Macaé News
Cotação
RSS

Prefeitura investe em nova Estação de Tratamento de Esgoto no Sana

Publicado em 07/07/2014 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


A Prefeitura de Macaé está investindo 833 mil reais na construção da nova Estação de Tratamento de Esgoto, ETE, do Sana, importante distrito turístico do município. Este investimento é um avanço nas áreas ambiental e de saúde, evitando a poluição dos corpos hídricos desta região, e também a melhoria da saúde e da qualidade de vida da população serrana.

Essa estação é a segunda a ser construída na serra macaense pela administração municipal. Além do Sana, a Prefeitura investe também 833 mil reais na construção de uma nova ETE em Glicério, avançando na meta de trazer a todo município o tratamento de esgoto num prazo agora de pouco mais de dois anos.

Os recursos para a construção dessas estações são da própria Prefeitura e as obras estão sob a gestão da Empresa Pública Municipal de Saneamento (Esane), que é responsável pelo saneamento básico das localidades da região serrana. Segundo a Esane, enquanto a nova estação está sendo construída, o tratamento do esgoto é realizado pela antiga ETE local. 

As obras começaram em abril deste ano e devem estar concluídas no final de agostoinício de setembro. É uma estação do tipo compacta com tratamento terciário e vazão média de 5 litros por segundo, podendo alcançar 9 litros por segundo, acompanhando o crescimento da localidade.

A nova ETE está sendo construída no terreno da antiga estação de tratamento de esgoto da localidade, no centro do Sana, com a mesma tecnologia da ETE do Mutum, que está em pleno funcionamento na cidade. Utiliza placas metálicas, com formato retangular, com 12 metros de comprimento, seis de altura e seis de largura. As placas recebem revestimento de fibra de vidro, para maior durabilidade.

A montagem da estrutura já foi concluída. 40% da parte interna também já está pronta. Já foram iniciadas as ações da parte externa da ETE. A rede que traz o esgoto até a estação para receber o tratamento já existe, atendendo a antiga estação.

A nova Estação vai realizar o nível terciário de tratamento, com reator anaeróbico, parte aeróbica e tratamento quimicamente assistido, com adição de cloreto férrico. Além da remoção de matéria orgânica e de nitrogênio e fósforo, o esgoto passa por filtros e desinfecção, alcançado a redução de carga orgânica, para maior proteção aos corpos hídricos que recebem os efluentes.

O presidente da Esane, Marcos Muffareg, ressalta a importância da construção das ETEs do Sana e de Glicério, colocando que essas ações atendem determinação do prefeito Dr. Aluízio, de melhorar não só o tratamento do esgoto, mas também o abastecimento de água na serra.

- Ao construir essas novas ETEs de tratamento em nível terciário, a Prefeitura tem o objetivo de  aumentar a eficiência do padrão de tratamento de esgoto, simplificando a operação e unificando padrões operacionais; ampliar novas ligações e otimizar a interligação das rede coletoras, visando a satisfação dos usuários e a melhoria ambiental e sanitária, destacando sempre o saneamento básico como uma questão de saúde pública,pontuou Muffareg.

De acordo com a Esane, a antiga ETE , de formato modular e composta de quatro módulos, foi recuperada pela empresa, estando em pleno funcionamento e será removida, tão logo a nova estação passe a operar, podendo ser desmembrada em duas e  reaproveitada em outras localidade menores.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário