Macaé News
Cotação
RSS

Favorita, Argentina pode garantir vaga

Publicado em 21/06/2014 Editoria: Copa 2014 sem comentários Comente! Imprimir


A seleção da Argentina pode garantir vaga nas oitavas de final da Copa 2014 neste sábado, às 13h, no Mineirão, em Belo Horizonte. Para isso, precisa vencer o Irã, pela segunda rodada do Grupo F da Copa do Mundo.

Novamente, as expectativas recaem sobre Messi. Eleito quatro vezes como melhor jogador do mundo, o camisa 10 foi autor de um dos mais belos gols do Mundial na vitória por 2 a 1 sobre a Bósnia-Herzegóvina, na estreia no Maracanã.

"Sabíamos que não seria o nosso melhor jogo", admitiu o volante Mascherano. "O mais importante era vencer, porque estrear no Mundial é sempre difícil, ainda mais com uma garotada que nunca havia disputado o torneio. Agora a ansiedade passou".

Líder da chave, a Argentina pode garantir a vaga na fase eliminatória com uma vitória na capital mineira. Se Nigéria e Bósnia empatarem em Cuiabá, também neste sábado, os sul-americanos estarão classificados.

Já o Irã precisa superar o favoritismo da Argentina e conquistar uma vitória para se manter com chances de ir à fase eliminatória. Na estreia, o time persa empatou em 0 a 0 com a Nigéria, em Curitiba.

Mineirão

O técnico Alejandro Sabella confessou ter sentido nostalgia ao chegar no Mineirão nesta sexta-feira para conferência de imprensa antes da partida contra o Irã. "Tenho uma enorme recordação do Mineirão. Viemos de carro e me lembrei do momento que vivi", disse.

Foi nesse estádio que ele conquistou o principal título da carreira. Em 2009, comandou o Estudiantes que derrotou o Cruzeiro por 2 a 1 na final da Libertadores. Entre os 23 convocados da Argentina para o Mundial, o goleiro Mariano Andújar, o zagueiro Federico Fernández, o lateral Marcos Rojo e o meia Enzo Pérez também fizeram parte daquele time de La Plata campeão.

"Lembro quando chegou o ônibus [no Mineirão] e os jogadores começaram a cantar. Os torcedores do Cruzeiro nos olharam como se fossemos loucos". Quando pisou no campo, há cinco anos, Sabella conta que olhou para o placar eletrônico que mostrava "Locais, 1. Visitantes, 2". "Foi exatamente o placar que aconteceu. Desta vez, não olhei", se diverte.

Argentina

Romero; Zabaleta, Fernández, Garay e Rojo; Mascherano, Gago e Di María; Agüero, Messi e Higuaín. T.: Alejandro Sabella

Irã

Haghighi; Montazeri, Sadeghi, Hosseini e Pooladi; Nekounam, Teymourian, Hajisafi, Dejagah e Heydari; Goochannejad. T.: Carlos Queiroz

Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte
Horário: 13h
Árbitro: Milorad Mazic (Sérvia)

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário