Macaé News
Cotação
RSS

RIO GANHA A CARTA DE CACHAÇAS, UMA PUBLICAÇÃO CUIDADOSAMENTE ELABORADA SOBRE A BEBIDA BRASILEIRA

Publicado em 29/05/2014 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


João Lebrão

João Lebrão

 Produzido pela Associação dos Produtores de Cachaça (APACERJ), o guia traz dados sobre a história da bebida, sua produção e formas de degustação, entre outros temas

 

Um instigante e minucioso passeio pelo universo da cachaça. Será lançada no próximo dia 29, às 19 horas, no restaurante O Navegador, no Centro, para 150 convidados, a Carta de Cachaças do Estado do Rio de Janeiro – História, Degustação, Harmonização, Serviço, Empresas e Produtos, um guia de 155 páginas, em versão trilíngue (português/inglês/francês), com tudo sobre o destilado brasileiro. Publicação de padrão inédito no universo da cachaça - elegante e com informações consistentes históricas e técnicas - o guia é uma iniciativa da Associação dos Produtores de Cachaça do Estado do Rio (APACERJ), com patrocínio do Sebrae e apoio da Firjan, Senai e Sindbebi. 

 A Carta reúne informações das mais variadas e relevantes sobre a bebida genuinamente brasileira. Nas páginas do guia, há detalhes sobre a história da cachaça no Brasil e no Rio, o processo produtivo, tipos e estilos, princípios da degustação e harmonização, dicas de coquetéis e de como fazer a autêntica e internacionalmente prestigiada caipirinha. O livro também lança o mapa das cachaças do Rio, dividido por regiões: Litorânea Sul/Paraty; Montanhosas Central e Sul; Norte e Noroeste; e Metropolitana.   

“Estamos muito felizes com o resultado. Elaboramos uma publicação atraente sobre a cachaça, com alta qualidade em termos de conteúdo, fotos, ilustração e design, para uma leitura leve e prazerosa. Temos agora uma publicação de padrão internacional, como ocorre em outros países no universo do vinho e do conhaque. A cachaça merecia uma publicação à altura. A Carta destina-se a especialistas, jornalistas, apreciadores de cachaças, profissionais das áreas de gastronomia, bebida e turismo, profissionais de representações comerciais internacionais e pessoas interessadas em conhecer mais sobre o destilado”, comentou a presidente da APACERJ, Kátia Alves Espírito Santo.

O projeto contou com a participação do cachacista Jairo Martins da Silva, para o desenvolvimento dos conteúdos técnicos, e do sommelier Celio Alzer, que foi responsável pela análise sensorial dos produtos. Kátia destaca que foram produzidos 8 mil exemplares da publicação, que serão disponibilizados em bares, restaurantes, embaixadas e consulados, cursos de qualificação professional nas áreas afins.

 

Sobre as cachaças do Rio:

Ø  O Rio de Janeiro é o segundo estado exportador do destilado, ficando atrás apenas de São Paulo e seguido de Pernambuco;

Ø  As Cachaças do Estado do Rio de Janeiro vêm alcançando os mais importantes destaques em concursos de âmbito mundial e nacional;

Ø  O Rio é o estado da Federação com o maior número de cachaças com Certificado de Qualidade, ou seja, detém 30% do total de todo o Brasil, o que lhe confere o título de pólo de cachaça de excelência.

 

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário