Macaé News
Cotação
RSS

Casimiro de Abreu comemora Dia Mundial sem Tabaco com bons resultados no controle do tabagismo

Publicado em 29/05/2014 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Na sexta-feira, dia 30, às 10h e às 15h, estudantes e professores do CIEP Municipalizado 459 José Bicudo Jardim vão participar do “Programa Saber Saúde de Controle do Tabagismo”, desenvolvido pelo Ministério da Saúde através do INCA, Instituto Nacional do Câncer. Esta é a primeira vez que o Programa é apresentado em Casimiro de Abreu. A data, próxima ao Dia Mundial Sem Tabaco, 31, marca o início das atividades de combate ao tabagismo na cidade. A previsão é de que nos próximos dois meses todas as escolas participem do Programa, que conta com a apresentação de vídeos, palestras, distribuição de panfletos educativos e jogos multimídia.

            Para o enfermeiro do Programa Antitabagismo de Casimiro de Abreu, Alexandre Ávila, levar o assunto às escolas é uma boa oportunidade de prevenir que jovens, atualmente o público alvo da indústria do tabaco, experimentem o cigarro e se tornem dependentes dele. “É importante que eles saibam os malefícios que o tabaco acarreta na saúde do indivíduo e as dificuldades para abandonar o vício,” disse Alexandre.

            BONS ÍNDICES - Desde que foi implantado no Município, há mais de dois anos, 500 pessoas já passaram pelo Programa de Controle do Tabagismo. Dentre elas, 350 tiveram êxito e conseguiram parar de fumar. Isto significa que 65% de fumantes que participaram do Programa oferecido pela Prefeitura abandonaram definitivamente o vício. Enquanto que a média nacional de pessoas que conseguem se livrar da dependência do cigarro é de 30%.

             "Vamos manter o apoio e incentivos ao Programa de Controle do Tabagismo e também a ações como estas desenvolvidas pelo INCA, visando melhorar ainda mais a eficiência de nossos indicadores que já são bons no combate ao fumo. Quero deixar registrado os meus parabéns aos profissionais da Saúde envolvidos no Programa e nesta ação", declarou o Secretário Municipal de Saúde Edson Mangefesti. 

            O tabagismo é considerado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) a principal causa de morte evitável no mundo e está relacionado a mais de 50 doenças, como câncer de boca, pulmão e doenças no coração. A organização estima que um terço da população mundial adulta, 1 bilhão e 200 milhões de pessoas, seja fumante.

 

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário