Macaé News
Cotação
RSS

Operação mira gerentes de banco integrantes de quadrilha de lavagem de dinheiro

Publicado em 30/09/2020 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


 O Departamento-Geral de Combate à Corrupção, ao Crime Organizado e à Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil (DGCOR-LD) faz, desde as primeiras horas da manhã desta quarta-feira, a Operação Celulose, contra integrantes de uma quadrilha envolvida com lavagem de dinheiro, falsificação de documentos e estelionato. São 15 mandados de busca e apreensão, que estão sendo cumpridos em diversos endereços da capital fluminense.

De acordo com o delegado Leonardo Borges, titular da Delegacia de Combate ao Crime Organizado e Lavagem de Dinheiro (DCOC), que comanda a ação, dentre os investigados estão dois gerentes de banco. Eles criavam contas falsa em nome de "laranjas" e utilizavam linha de crédito através de cartões para recebimento de dinheiro nas agências.

O grupo movimentou mais de R$ 20 milhões desde 2014, através de fraudes em linhas de crédito para compra de materiais de construção. Eles usavam empresas de fachada para a lavagem do dinheiro ilícito.

As investigações começaram após serem constatadas movimentações atípicas em contas bancárias de empresas de reciclagem. Após os indícios, a polícia pediu ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) relatórios de inteligência financeira (RIFs) e quebra do sigilo fiscal, com autorização da Justiça.

As buscas de hoje têm o objetivo de arrecadar materiais e documentos que possam auxiliar nas investigações e identificações de todos os integrantes do bando. Os materiais apreendidos estão sendo levados para a sede do DGCOR-LD, na Lapa.

› FONTE: O Dia


sem comentários

Deixe o seu comentário