Macaé News
Cotação
RSS

Festa de casamento com 100 convidados é interrompida no Rio

Publicado em 28/09/2020 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Uma festa de casamento com 100 convidados foi interrompida pela prefeitura do Rio de Janeiro por desrespeitar as regras de distanciamento social estabelecidas pelo município em função da pandemia de covid-19. O evento acontecia na noite deste sábado (26) na Ilha do Governador, na zona norte da capital fluminense.

De acordo com comunicado divulgado ontem (27) pela prefeitura, a Guarda Municipal foi acionada para averiguar denúncias de vizinhos.

"Os agentes foram recebidos com hostilidade pelos convidados do casamento, o que gerou um princípio de tumulto entre o público presente e os agentes de segurança pública", informou o município.

Atualmente, a cidade encontra-se na fase 6A do Plano de Retomada das Atividades Econômicas estabelecido pela prefeitura. De acordo com o município, nesse estágio, não há autorização para festas de casamento. Um decreto do governo estadual também mantém, ao menos até 6 de outubro, a proibição de eventos com público.

Após a ação da Guarda Municipal, os convidados se retiraram do local. O espaço onde ocorria a festa, chamado Guanabara Beach Lounge, poderá ser multado e interditado. O caso será analisado pela Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização da prefeitura do Rio.

A prefeitura divulgou ainda um balanço das ações realizadas no fim de semana para fiscalizar o cumprimento das medidas restritivas.

Neste sábado (26), mais de 186 veículos foram removidos por estacionar na orla, o que não está liberado. Equipes também orientaram a população sobre as regras em vigor. O banho de mar está permitido, mas é proibido permanecer na areia.

A restrição, no entanto, não tem sido respeitada, sobretudo nos dias de calor. Os termômetros da capital registraram no fim de semana máximas de 34 graus Celsius.

Em ações de fiscalização nas noites de sexta-feira (25) e de sábado (26), a prefeitura multou 15 bares e restaurantes por aglomeração, excesso de mesas e cadeiras e falta de alvará. Os nomes dos estabelecimentos não foram divulgados. As infrações podem gerar multas que variam de R$ 15 mil a R$ 26 mil. Nesses casos, os estabelecimentos também são interditados por sete dias.

Pandemia
Divulgado ontem (27), o último boletim da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro aponta o registro de 102.246 casos de covid-19 e 10.849 mortes na capital fluminense. Em todo o estado, são 261.860 ocorrências confirmadas e 18.278 óbitos. Há ainda 514 óbitos em investigação. Entre os casos confirmados, 238.609 pacientes já se recuperaram da doença.

› FONTE: Agência Brasil


sem comentários

Deixe o seu comentário