Macaé News
Cotação
RSS

Homem que matou vizinho após discussão por som alto é preso

Publicado em 23/07/2020 Editoria: Cotidiano sem comentários Comente! Imprimir


Nesta quarta-feira (22), a Polícia Civil prendeu o principal suspeito de assassinar, a tiros, Jurandir Silva de Mello. O crime aconteceu na porta da casa do assassinado após uma briga causada por som alto na Rua Arthur Antônio Sendas, em Meriti. O acusado, que não teve o nome divulgado, é filho de Claudio, vizinho da vítima, que também está foragido. A prisão aconteceu no município de Macaé, na Região dos Lagos.

Em sua página no Facebook, a esposa de Jurandir se manifestou após saber da prisão do assassino. "A justiça está sendo feita. Sei que nada vai trazer meu marido de volta. Só estou aqui pedindo justiça pela vida do meu esposo. Agora só falta o pai, o pai precisa pagar também, ele começou tudo”, comentou Ruth Ferreira.

Entenda o caso:

Na madrugada da última quinta-feira (16), o vizinho de Jurandir colocou uma caixa de som ligada em direção a sua casa e a vítima fez uma reclamação. Por volta de 0h30, Jurandir estava em casa e desceu após ouvir gritos em seu portão. Em discussão, o vizinho, que estava armado, teria realizado disparos mais de uma vez na vítima.

A esposa de Jurandir escutou os tiros e, quando desceu para ver o que tinha acontecido, encontrou o filho do vizinho armado e Jurandir baleado na perna, pedindo ajuda. Ela tentou ajudar mas o homem não deixou, a xingou e a ameaçou de morte e ordenou que fugisse. Assim que fugiu, ela ainda ouviu mais barulhos de tiros.

Equipes do 21°BPM (São João de Meriti) foram acionadas para checar a ocorrência e encontraram o homem morto a tiros. A área foi isolada e a perícia foi realizada. O acusado estava foragido desde então.

› FONTE: O Dia


sem comentários

Deixe o seu comentário