Macaé News
Cotação
RSS

Petrobras amplia testes rápidos para suas equipes nos portos do Açu e de Macaé e ARM-Macaé

Publicado em 17/06/2020 Editoria: Saúde sem comentários Comente! Imprimir


A testagem na triagem se soma à realização de testes em colaboradores que apresentam sintomas

A testagem na triagem se soma à realização de testes em colaboradores que apresentam sintomas

A Petrobras vem ampliando rapidamente a realização de testes rápidos para diagnóstico de Covid-19 e já faz a triagem dos colaboradores que atuam nas atividades logísticas da companhia nos portos do Açu e de Macaé e ARM-Macaé, localizados no Norte Fluminense. A companhia iniciou em abril os testes no pré-embarque para plataformas, expandiu logo em seguida para refinarias, térmicas e unidades de tratamento gás da companhia e vem atendendo as demais unidades operacionais, de acordo com a capacidade de atendimento do mercado e sempre considerando critérios técnicos e a avaliação do quadro de saúde da região. Com isso, mais de 40 mil testes foram aplicados até hoje antes do início das atividades operacionais.

A testagem na triagem se soma à realização de testes em colaboradores que apresentam sintomas, medida que a Petrobras foi uma das primeiras empresas a adotar em larga escala. Mais de 5 mil testes foram realizados para diagnóstico de pessoas com sintomas. Com testes de triagem e testes para diagnóstico, a Petrobras já cobriu cerca de 26% do universo de cerca de 150 mil pessoas que atuam em suas unidades, sejam empregados ou colaboradores de empresas prestadoras de serviços. Em comparação a países que adotaram testes em massa, a companhia testou proporcionalmente três vezes mais que os EUA e quase o dobro que Portugal.

A Petrobras entende que o diagnóstico preciso da situação nas unidades é fundamental para avaliar as estratégias de prevenção. Por isso, desde o início da pandemia, a companhia iniciou esforços para aquisição de kits de testes e contratação de serviços especializados. E já obtém resultados positivos no processo de triagem, identificando pessoas assintomáticas, antes mesmo de entrarem nas unidades, e afastando, portanto, possibilidade de contágio. Todos são orientados a cumprir isolamento e passam a ser monitorados pelas equipes de saúde.

A estratégia de ampla testagem avança junto com outras medidas preventivas como rigorosa higienização das instalações, uso de máscaras e redução da atuação presencial em cerca de 90% nas áreas administrativas e 50% nas áreas operacionais que desempenham atividades essenciais. A companhia monitora em tempo real os dados de saúde de seus empregados, que são orientados a reportar imediatamente caso ocorra qualquer sintoma por meio de um call center 24 horas, além de atendimento eletrônico. A Petrobras também atua junto às empresas prestadoras de serviços para que monitorem seus empregados, prestando todo apoio quando necessário. 

› FONTE: Ascom Petrobras


sem comentários

Deixe o seu comentário