Macaé News
Cotação
RSS

Prefeitura de Macaé começa construção de novas ETES em Glicério e Sana

Publicado em 14/05/2014 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Trabalhando na direção de cumprir uma das metas do governo do prefeito Dr. Aluízio, a de levar o saneamento básico a todo município num prazo agora de três anos, a Prefeitura de Macaé, através da Empresa Pública Municipal de Saneamento (Esane), está investindo, com recursos próprios, na construção de Estações de Tratamento de Esgoto (ETE) nas localidades do Sana e Glicério.

Segundo informações da Esane, com a construção de cada Estação nestas localidades da serra macaense, conhecidas e visitadas por macaenses e turistas de toda parte pelas belezas naturais, a Prefeitura investe R$ 888 mil. Este investimento é um avanço nas áreas ambiental e de saúde, não só pela possibilidade real de evitar a poluição dos corpos hídricos desta região, evitando o lançamento de esgoto in natura, mas também pela melhoria da saúde e da qualidade de vida da população serrana.

As obras nas duas Estações já começaram, estando a ETE do Sana na fase de preparação da base. Em Glicério, as obras estão mais adiantadas e a nova ETE começa a tomar corpo, com instalação das placas metálicas que compõem a estação. Essa nova ETE está sendo construída no mesmo local da antiga estação da localidade, no centro do distrito serrano.

As placas metálicas são do mesmo material que foi empregado na ETE do Mutum e que será usado na ETE Central, cujas obras já começaram. As placas da ETE de Glicério têm formato retangular. As novas Estações vão alcançar o nível terciário de tratamento, além da remoção de matéria orgânica e de nitrogênio e fósforo, com maior proteção aos corpos hídricos que recebem os efluentes.

Considerando que a melhoria da qualidade dos rios da região serrana representam um avanço para o município, o presidente da Esane, Marcos Muffareg, ressalta que esse investimento em saneamento básico na região serrana atende a determinação do prefeito Dr. Aluízio, de melhorar o abastecimento de água na serra, o que já vem sendo realizado pela Esane, paralelamente com ações de esgotamento sanitário, levando para as comunidades a captação e o tratamento do esgoto, já iniciado.

Esse trabalho, de acordo com Muffareg, só estará concluído depois que o município atender as portarias do Ministério da Saúde em relação ao abastecimento de água, e do CONAMA, relacionado ao esgotamento sanitário, visando a proteção do meio ambiente e a garantia da qualidade de vida da população.

Os objetivos da Prefeitura ao construir essas novas ETE de tratamento em nível terciário são aumentar a eficiência do padrão de tratamento de esgoto, simplificando a operação e o controle nos mesmos equipamentos, unificando padrões operacionais; ampliar novas ligações e otimizar as ligações de esgotos possíveis de interligação das rede coletoras através de uma parceria Morador-Esane, visando a satisfação dos usuários e a melhoria ambiental e sanitária.

O novo Sistema de Tratamento de Esgoto (ETE) é composto de Estação elevatória – Poço de sucção e conjunto moto-bomba; tratamento preliminar – Gradeamento + Caixa de Areia; tratamento secundário – Reator UASB (anaeróbio) + Biofiltros  (aeróbio); tratamento terciário – Nitrificação + Desnitrificação + Desfosfatação + Reator UV; Polimento – Decantador Secundário; tratamento de lodo – Caixa Desaguadora; tratamento do Gás – Queimador de Biogás, com Vazão Média de 5 L/s.

 

› FONTE: Secom - Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário