Macaé News
Cotação
RSS

Vicentinos da Glória celebram Natal Solidário com assistidos

Publicado em 16/12/2019 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Durante o evento houve ainda, a montagem do presépio, a apresentação circense

Durante o evento houve ainda, a montagem do presépio, a apresentação circense

Os Vicentinos da Paróquia Nossa Senhora da Glória (Conferencia da Sociedade de São Vicente de Paulo – SSVP) celebraram neste domingo (15), o Natal Solidário dos assistidos e suas famílias. O evento, que acontece nos 27 anos de existência da Conferencia na Igreja da Glória, reuniu mais de 150 pessoas e começou com a celebração da Santa Missa se estendendo ao longo do dia, no salão paroquial com um almoço coletivo/sobremesa e distribuição de presentes para as crianças.

Durante o evento houve ainda, a montagem do presépio, a apresentação circense com a presença de palhaços para animar a garotada e a entrada triunfal dos “três reis magos” que foram convidados para entregar os presentes. Todos os momentos foram marcados com a presença do pároco Rafael Archetti, que deu as boas vindas a todos e fez questão de enfatizar a importância do trabalho dos confrades e consócias.

- Os Vicentinos fazem um trabalho muito importante porque além de distribuírem o alimento material levam a mensagem de Cristo às famílias. Distribuir alimentos é o primeiro dos passos dessa espiritualidade. Agora, apresentar o evangelho é a missão que marca este trabalho e ao mesmo tempo uma alegria oferecer Deus a estas famílias. Os alimentos são o meio mais urgente para que vivam dignamente, mas faz-se necessário que eles se encontrem com Deus e este é o objetivo de todos os nossos esforços pastorais. A paróquia se rejubila com o trabalho vicentino –, ressaltou.

De acordo com a coordenadora da Conferencia, Mônica Ritzmann  é uma alegria comemorar os 27 anos de conferencia e promover o natal solidário das famílias socioeconomicamente desfavorecidas ou que estão passando por dificuldades financeiras por causas como desemprego e saúde.

- O natal é a data maior que a gente tem para esse encontro com todas as 50 famílias que ajudamos. É uma alegria ver todas essas crianças aqui com a gente compartilhando dessa esperança e da caridade praticada. A gente que faz um trabalho com as pessoas de menor poder aquisitivo percebe que com isso permitimos também à comunidade abastada e mais bem sucedida a pratica da caridade. Isso nos anima a continuar o trabalho de promoção social e de evangelização das famílias de nossa paróquia – assinalou.

Os confrades Antônio Carlos Tavares e José Manoel Sousa e a consócia Gersina Santos, que participam da Conferencia desde os seus primórdios na Igreja da Glória, comungaram da mesma opinião de que é preciso continuar com o trabalho voluntário de evangelização e de suprir momentaneamente a necessidade básica de quem não tem muita condição financeira, cuidando inclusive, para que as famílias assistidas tenham o mínimo exigido para poderem existir com dignidade e cidadania.

O final do encontro foi marcado com a distribuição de presentes para as crianças e de cestas básicas. Yasmim G. S., mãe de três filhos e moradora do bairro Novo Horizonte elogiou a festa natalina. “Olha este ano está perfeita, organizada e muito bonita. Gostei muito de participar com meus filhos que até ganharam presentes”, disse. Já Marizete A. (52 anos), uma das assistidas que está cadastrada há dois anos e mora no bairro da Glória disse que não dispensa a cesta básica mensal e sempre vem em busca do benefício. “Tenho cinco netos de três a nove anos que moram comigo porque os pais os deixaram e foram embora e todos estão escola, mas também tenho um filho que é deficiente e se arrasta pelo chão por falta de uma cadeira de rodas. Eu não trabalho e recebo 230 reais do Bolsa Família para vivermos, por isso, preciso e venho buscar a cesta mensal que muito ajuda na alimentação”, contou.

Jornalista Lourdes Acosta. DRT/MTE 911/MA.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário