Macaé News
Cotação
RSS

Belezas do Atalaia encantam integrantes de grupo de Saúde Mental

Publicado em 06/12/2019 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


A equipe é composta pelas profissionais da Estratégia de Saúde da Família de Córrego do Ouro

A equipe é composta pelas profissionais da Estratégia de Saúde da Família de Córrego do Ouro

O  Parque Atalaia recebeu, na quinta-feira (5), quinze mulheres  do  grupo de saúde mental &39;Crochê d&39;Ouro&39;, do distrito de Córrego do Ouro. A integrante do conjunto de pessoas  que cuidam da área emocional, a dona de casa Liliane Lírio disse que este local, a 27 quilômetros do centro de Macaé, é uma fonte de lazer e de descanso e que os que vão lá uma vez sempre querem voltar.

Para a fisioterapeuta que coordena o grupo, Lucia Pereira, o contato com a natureza é ideal para pessoas com vulnerabilidades emocionais. "São muitos os benefícios, como alívio de sintomas de estresse, depressão e ansiedade. Aliando o contato da natureza com as práticas meditativas, potencializamos esse efeito, pois a mente se volta para a vivência da experiência no momento em que ela acontece, estimulando os sentidos e o sentir, o que promove tranquilidade, relaxamento e prazer", pontua.

Já a membro do grupo de Saúde Mental, Liliane Lírio, diz que no grupo Crochê d&39;Ouro todos se acolhem e se apoiam mutuamente. "A equipe recebe a cada um de nós de braços abertos, não havendo nenhuma discriminação. Nas nossas reuniões, a tristeza é transformada em alegria, quando nossa mente é aliviada", testemunha ela.

A equipe é composta pelas profissionais da Estratégia de Saúde da Família de Córrego do Ouro:  Lucia Pereira (fisioterapeuta), Solange Azevedo (Agente Comunitária de Saúde), Claudia  Madeira (Agente Comunitária de Saúde) e Juliana Tatagiba (enfermeira).

Para concluir,  Lucia Pereira comenta que: "Fomos ao Parque Atalaia pois é um local no entorno da comunidade que a grande maioria das integrantes do grupo não conhecia.  Além do mais, promove a noção de pertencimento e valorização  na comunidade, que se orgulha de tê-lo tão próximo e conhecer seus projetos e sua missão local".

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário