Macaé News
Cotação
RSS

Chuva forte atinge o Rio e causa alagamentos

Publicado em 11/11/2019 Editoria: Cotidiano sem comentários Comente! Imprimir


 Uma chuva de intensidade forte atinge alguns bairros do Rio, principalmente na Zona Oeste da cidade, na manhã desta segunda-feira. O núcleo de chuva que atua na Baía de Sepetiba, se desloca pela cidade e continuará causando chuva forte/muito forte, podendo vir com ventos fortes nas próximas horas. Há alagamentos em diversos bairros e o município entrou em estágio de atenção às 11h50. Dezesseis sirenes em sete comunidades foram acionadas pelo risco de deslizamento.

Entre 11h e 11h30, houve chuva forte em Sepetiba, Jacarepaguá/Cidade de Deus, Barra/Riocentro, Vidigal e Rocinha (São Conrado), Tijuca, Santa Teresa, Grajaú, Jardim Botânico, Barra/Barrinha, Santa Cruz, Laranjeiras, Alto da Boa Vista e Tijuca/Muda. Choveu de forma moderada na Urca, Jacarepaguá/Tanque, Saúde (Centro), região da Grajaú-Jacarepaguá, Grota Funda e Recreio. Outras regiões tiveram chuva fraca. Todos os bairros com grande intensidade de chuva têm alagamentos.
Galeria de Fotos

No Centro do Rio, o alagamento no túnel da Providência afeta a Linha 2 do VLT, que só circula entre a Central do Brasil e a Praça XV. Já as Linhas 1 e 3 operam com intervalos irregulares.

Uma loja na Rua do Resende, na região da Lapa, avisou aos clientes sobre o fechamento da loja pela falta de acessibilidade e postou fotos do rio de água que se formou, deixando motos submersas. Via é umas das que sempre são afetadas quando chove na região.

A Avenida Niemeyer, em São Conrado, fechada por conta de uma decisão judicial, foi também bloqueada para o acesso de moradores às 11h15, no sentido de quem vem para o Leblon.
O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) registrou, na última hora, rajada de vento forte na estação Marambaia (56,9 km/h).

De acordo com a Subsecretaria de Proteção e Defesa Civil Municipal, às 12h15 foram acionadas 16 sirenes de sete comunidades devido ao atingimento do protocolo no intervalo de 1h (40mm de chuva ou mais). Os alarmes foram acionados na Rocinha, Guararapes, Santa Marta, Formiga, Santa Alexandrina/Paula Ramos e Cabritos.

› FONTE: O Dia


sem comentários

Deixe o seu comentário