Macaé News
Cotação
RSS

Câmara homenageia guardas municipais por atuação humanitária

Publicado em 25/09/2019 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Servidores socorreram vítimas de chuvas e deslizamentos em Friburgo

Servidores socorreram vítimas de chuvas e deslizamentos em Friburgo

O espaço destinado à Tribuna Cidadã foi usado para homenagear 51 servidores da Guarda Municipal na manhã desta quarta-feira (25), na Câmara de Macaé. A solenidade foi presidida por Marvel Maillet (Rede), quem propôs a entrega do diploma de mérito municipal para o grupo que atuou na tragédia de 2011, que assolou a região serrana do Rio de Janeiro.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a chuva forte e persistente deixou 918 mortos e cerca de 30 mil desalojados e desabrigados na ocasião.

Marvel agradeceu ao trabalho dos agentes da Guarda e explicou que esse é um reconhecimento pelo relevante trabalho que prestam à cidade e região. “Esses servidores não tinham obrigação de atender outros municípios. Mesmo assim, eles prestaram socorro em áreas isoladas e tenho certeza que fariam novamente”.

Ação voluntária

De acordo com a comandante da Guarda Municipal, Adriana Manilha, foi formado um grupamento para a atuação humanitária na localidade de Conquista, área rural de Nova Friburgo e um dos pontos mais atingidos pela enchente e deslizamentos. “A participação foi totalmente espontânea e voluntária. Os servidores ajudaram no resgate e socorro das vítimas, na preparação dos abrigos e distribuição de roupas e alimentos”, informou.

A subcoordenadora da Guarda Ambiental, Laila Peçanha, fez um relato emocionante da experiência em Nova Friburgo, compartilhando com o público o quanto esse trabalho uniu e transformou os envolvidos. “Ficamos responsáveis por cuidar de 150 pessoas. Revirávamos escombros a procura de outros sobreviventes, mas o que mais encontrávamos eram corpos, objetos, fotos e documentos, que encaminhávamos para os proprietários ou familiares ainda vivos”.

O comandante da Guarda Ambiental, Madson Nazareno, que liderou os agentes nesta missão especial, lembrou que o seu grupo foi o primeiro a chegar na localidade para socorrer as vítimas. “Também atuamos na segurança das casas que restaram de pé e dos pontos de distribuição de roupas e alimentos para que não fossem saqueados; organizamos atividades para as crianças desabrigadas e tratamos os feridos”.

Atendimento à população

Para o secretário de Ordem Pública de Macaé, Daniel Bandeira, foi uma merecida homenagem. “Os guardas são capacitados, dedicados, mas ainda pouco valorizados, inclusive por parte da sociedade que desconhece integralmente o seu trabalho”.

Daniel aproveitou para listar as principais funções do grupo: combate e prevenção a incêndios, captura/soltura de animais, ordenamento do trânsito, combate à caça e desmatamento ilegal, apoio na segurança pública, guarda patrimonial, patrulhamento nos bairros e imediações escolares, apoio no policiamento ostensivo e atendimento às vítimas de violência de gênero (Patrulha Maria da Penha). 

O atendimento da Guarda Municipal é 24h. Em caso de necessidade, basta ligar 2796-1328.

› FONTE: ASCOM CMM


sem comentários

Deixe o seu comentário