Macaé News
Cotação
RSS

Inscrições abertas para filme e debate sobre TOC no “Mentes em Ação”

Publicado em 16/08/2019 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


A Cidade Universitária está localizada à Rua Aloísio da Silva Gomes, 50, bairro Granja dos Cavaleiros.

A Cidade Universitária está localizada à Rua Aloísio da Silva Gomes, 50, bairro Granja dos Cavaleiros.

Na volta à programação neste segundo semestre letivo, o projeto “Mentes em Ação: Saúde Mental e Cinema” trará para debate o tema Transtorno Obsessivo Compulsivo com a divertidíssima comédia TOC TOC, dirigida por Vicente Villanueva. O filme será exibido, gratuitamente, no dia 28 deste mês, das 17h30 às 21h30, no auditório do bloco B, campus da UFRJ-Macaé, na Cidade Universitária. Em seguida, os participantes discutirão o tema e cada um pode contar a sua experiência. As inscrições são gratuitas e estão abertas pelo e.mail cinemaedebate@macae.ufrj.br ou no site do Centro de Formação Carolina Garcia (CFCG) formacaomacae.wixsite.com/formacao.

Nesta sessão, o objetivo será falar sobre pensamentos obsessivos que surgem como persistentes, intrusivos e indesejados, comportamentos e ações impulsivas que parecem incontroláveis e que atingem cerca de 4 milhões de brasileiros. O TOC é considerado uma doença mental grave, estando entre as 10 maiores causas de incapacitação, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS).

O projeto é realizado uma vez por mês, sempre numa segunda-feira, e discutindo uma temática diferente. O debatedor será o professor e médico psiquiatra Joel Tavares Rodrigues, com a professora Karla Santacruz, Liz Silva Gonçalves e Maria Luís Santos de Castro. Joelson é doutor em Psicologia, professor Adjunto de Psiquiatria e Psicologia Médica da UFRJ-Macaé, coordenador do grupo de pesquisa “Medicina, Psiquiatria e Sofrimento Psíquico na Era da Técnica”.

“Mentes em Ação” tem modalidade presencial com quatro horas de duração incluindo o filme e o debate. Destina-se a profissionais das áreas de saúde e educação a outros interessados pelo tema. O projeto acontece em parceria da UFRJ com a Prefeitura de Macaé, por meio do CFCG, vinculado à Secretaria Municipal Adjunta de Qualificação Profissional e Ensino Médio, da Secretaria Municipal de Educação.

Este ano, de março a julho, foram trabalhadas as temáticas de outros cinco filmes: “O Extraordinário”, em março, falando sobre a escola que pode ser espaço de integração, mas também se constituir em local de humilhação e intolerância; “Precisamos Falar sobre Kevin”, em abril, sobre diagnósticos complexos, como o transtorno de comportamento e de personalidade antissocial; “Amor”, em maio, retratando o envelhecimento, a morte, a eutanásia e, naturalmente, o amor; em junho, “Medianeras – Buenos Aires na era do amor virtual”, discutindo a solidão, relações afetivas mediadas pelo computador, medos, tristezas e fobias; e, em julho, “Autismo”.

 

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário