Macaé News
Cotação
RSS

ONDA NORBE VI, DA OCYAN, É RECONTRATADA PELA PETROBRAS

Publicado em 29/07/2019 Editoria: Economia sem comentários Comente! Imprimir


Com a assinatura, toda a frota da empresa está com contratos ativos

A sonda Norbe VI, uma das 6 sondas de perfuração em águas profundas da Ocyan, foi recontratada pela Petrobras por um período de dois anos. A embarcação é uma plataforma de perfuração semissubmersível, com posicionamento dinâmico capaz de operar em lâmina d’água de até 2,4 mil metros e perfurar poços até 7,5 mil metros. A sonda foi construída em 2010 e esteve em contrato com a Petrobras até 2018. Com a assinatura, todas as sondas da Ocyan estão com contratos ativos.

“A assinatura deste contrato com a Petrobras mostra que estamos no caminho certo, pois mantivemos a Norbe VI preservada todo este tempo para o retorno ao mercado, o que ocorreu dentro da meta estabelecida. Sinaliza que superamos todos os desafios impostos e comprovamos nossa competência e excelência operacional”, comemora Heitor Gioppo, diretor Superintendente da Unidade de Perfuração da Ocyan.

A sonda foi uma das classificadas pela Petrobras na licitação para contratação de equipamentos com capacidade para operar em 2 mil metros de lâmina d’água em águas brasileiras delimitadas pelas coordenadas geográficas de acordo com Contratos de Concessão, Cessão Onerosa ou Contratos de Partilha de Produção. A Norbe VI estava há dez meses em sistema de warm-stack (manutenção) no estaleiro Enseada Indústria Naval, em Maragogipe, na Bahia. Lá, a embarcação passou pelas várias etapas do projeto integrado de preservação, visando manter seus equipamentos e sistemas, ou seja, mantendo a integridade da unidade para os próximos projetos de intervenção a poços.

Em meados de agosto, a plataforma chegará ao Rio de Janeiro, na Baía de Guanabara, e vai passar por uma nova fase de manutenção e de adequação para atender às exigências deste novo contrato. “Vamos trazer a sonda para o Rio de Janeiro para ajustes finais. A nossa previsão é iniciar os trabalhos no último trimestre de 2019”, explica o executivo.

De acordo com Marcos Sampaio, gerente da embarcação, o novo contrato será desenvolvido dentro do planejamento estratégico elaborado para o ativo. “Em uma sonda trabalham, aproximadamente, 150 pessoas. A tripulação da sonda está preparada e motivada para o novo contrato.”, pontua.

Marcos da Norbe VI

A sonda semissubmersível já foi contratada da Petrobras e realizou operações no período, entre 2011 a meados de 2018, e teve como indicador favorável a marca de dois anos sem acidentes a bordo. O contrato foi finalizado com 98% de uptime operacional (índice de eficiência) e em segundo lugar no ranking de performance da Petrobras (Sondópolis).

Dados Técnicos Norbe VI

Lâmina d´água

2.400 metros

Capacidade de perfuração

7.500 metros

Modelo

Gusto MSC

Classe

DNV

Comprimento

97 metros

Altura da torre

56,4 metros

Capacidade da torre

2.000.000 lbs

Pacote de perfuração

NOV

Sistema de posicionamento dinâmico

DP2 Kongsberg

BOP

Ge/Hydril 18 ¾ x 15 k psi

5 Ram x 15 psi

2 Annular x 10 psi

MPD Ready

3.2 MMlb AFG

Acomodação

164 POB

 

 

› FONTE: Ascom


sem comentários

Deixe o seu comentário