Macaé News
Cotação
RSS

Alunos de Macaé são medalhistas na Olimpíada do Conhecimento

Publicado em 22/07/2019 Editoria: Educação sem comentários Comente! Imprimir


O objetivo da Olimpíada do Conhecimento é descobrir talentos e formar profissionais em nível de excelência

O objetivo da Olimpíada do Conhecimento é descobrir talentos e formar profissionais em nível de excelência

A etapa estadual do maior torneio de educação profissional da América Latina, a Olimpíada do Conhecimento 2019, chegou ao fim e premiou 45 alunos de diversas cidades do Rio de Janeiro. Entre eles estão sete estudantes de Macaé: William Araújo  e Ramon dos Santos Silva conquistaram medalhas de ouro nas ocupações Construção de Estruturas Metálicas e Caldeiraria. Foram medalhistas de prata nas mesmas ocupações, José Wilson Soares da Silva Junior e Jadson Bispo de Santana. Já Peterson Gustavo dos Santos Monteiro e Thallys Pinto Gurgel conquistaram o bronze também em Construção de Estruturas Metálicas e Caldeiraria. Mariane Caetano de Oliveira conquistou a prata em Logística.

No total, 350 alunos de 27 unidades do SENAI do estado do Rio competiram. O objetivo da Olimpíada do Conhecimento é descobrir talentos e formar profissionais em nível de excelência.

Os vencedores foram premiados em 19/07 no Rio de Janeiro. Agora, os mais bem avaliados dessa etapa poderão passar por um processo de desenvolvimento e ampliação das competências profissionais e podem vir a representar o estado na Seletiva WorldSkills (nacional), que permite aos competidores chegarem à WorldSkills, a maior competição de educação profissional do mundo.

Mariane Caetano, uma das vencedoras, enxerga grandes oportunidades com a conquista. “Além do mercado, todo esse processo de aprendizagem fez com que eu me conhecesse melhor. Além disso, descobri que posso agregar conhecimentos de outros cursos à minha área”, disse a estudante.

Entenda

A competição é composta de cinco etapas: escolar, regional, estadual, seletiva para a WorldSkills (antiga fase nacional) e WorldSkills (mundial). Em cada uma delas, os alunos realizaram provas nas quais precisaram mobilizar conhecimentos, habilidades e atitudes para superar desafios em sua área de formação, dentro de prazos e padrões de qualidade e produtividade requeridos pelo mercado de trabalho.

As 15 ocupações profissionais que integram esta edição estão alinhadas com a demanda do mercado industrial do estado do Rio e com o histórico da formação profissional da Firjan SENAI nos últimos anos. São elas: Comunicação visual, Costureiro industrial do vestuário, Modelista, Construção em alvenaria, Eletricidade predial, Eletricidade industrial, Construção em estruturas metálicas, Mecânica de usinagem, Mecânica de manutenção, Soldagem ER, Soldagem MAG, Logística, Caldeiraria, Instrumentação e Panificação. Para participar, o estudante não pode ter mais de 21 anos em 2020.

“Aperfeiçoamos os processos envolvidos na formação profissional, relacionados aos planos de cursos, infraestrutura, capacitação de instrutores, situações de aprendizagem e sistemática de avaliação, objetivando garantir uma formação em nível de excelência”, explica Edson Melo, gerente de Educação Profissional da federação.

Em agosto, acontece a WorldSkills 2019, na Rússia, com os alunos que começaram a competir a seletiva em 2017. Desde então, eles vêm se preparando para a competição mundial. Compõem o time Brasil dois alunos da Firjan SENAI, um em Soldagem e outro em Joalheria.

› FONTE: Ascom FIRJAN


sem comentários

Deixe o seu comentário