Macaé News
Cotação
RSS

Contagem regressiva para o desfile nos 206 anos de Macaé

Publicado em 22/07/2019 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


O encerramento mostrará a manifestação cultural de origem africana e uma das maiores tradições da cidade, que é o Boi Pintadinho

O encerramento mostrará a manifestação cultural de origem africana e uma das maiores tradições da cidade, que é o Boi Pintadinho

Alunos, professores e demais profissionais das 106 escolas da rede pública municipal de ensino, do Colégio de Aplicação (CAp) e da Faculdade Municipal Miguel Ângelo da Silva Santos (FeMASS) estão animados para o desfile, que está sendo preparado pela  Secretaria Municipal de Educação para o dia 29. O evento será às 9h30, na Avenida Elias Agostinho, no bairro Imbetiba, em comemoração aos 206 anos de fundação da Vila de Macaé. A programação traz o tema “Cultura afro-brasileira, uma mistura de sabores, cores e ritmos”, retratando os projetos desenvolvidos em sala de aula.

O objetivo é levar a população à reflexão sobre a história e a cultura negras e a sua contribuição nas áreas social, política e econômica. São esperadas, pelo menos, cinco mil pessoas para assistir à solenidade de cidadania que começa, às 9h, com hasteamento da bandeira, em frente ao Paço Municipal, sede da prefeitura, à Avenida Presidente Sodré, 534, no Centro da cidade.

A abertura do desfile será com os pelotões da Capitania dos Portos, Forte Marechal Hermes (Exército), Polícia Militar, Grupamento de Bombeiros Militares, Ordem Pública/Guarda Municipal, Defesa Civil e Mobilidade Urbana. Participam ainda representantes do 95º Grupo Escoteiro Macaé, 99º Grupo Escoteiro Macaé e 115º Grupo Escoteiro do Mar Macahé.

A Secretaria de Educação informou que, no desfile na Imbetiba, participarão estudantes da Educação Infantil e dos Ensinos Fundamental, Médio e Superior. Haverá ainda a participação do Motoclube de Macaé e os projetos Clube Macaense de Xadrez, Embaixadores do Rei, Clube dos Desbravadores de Macaé, Despertar Débora-Movimento das Mães de Oração, Escola Municipal de Dança e Polo Cultura da Fronteira.

Estão confirmadas as bandas das escolas Generino Teotônio de Luna (Professor Jamil Andrade Dias-Virgem Santa), que vai se apresentar junto ao pelotão de bandeiras da Secretaria Adjunta de Educação Básica; da Polivalente Anísio Teixeira (Costa do Sol), Cláudio Moacyr de Azevedo (Aeroporto), Oscar Cordeiro (Aeroporto), Professora Maria Isabel Damasceno Simão (Centro), Paulo Freire (Lagomar) e Tarcísio Paes Figueiredo (Bicuda Grande).

Outras corporações são Leonel de Moura Brizola (Barra), Elza Ibrahim (Ajuda), Jacyra Tavares Duval (Novo Cavaleiros) e Carolina Curvello Benjamin (Trapiche). Também haverá a participação da Banda Marcial Veteranos de Macaé, Apae, Grupo Portadores da Alegria, Centro Municipal de Atendimento Especializado ao Escolar (Cemeaes), Conselho Municipal do Idoso, Casa do Idoso, Associação Macaense de Apoio ao Deficiente Auditivo (Amada) e Associação Macaense de Apoio aos Cegos (Amac).

Os pelotões da Educação

A Educação municipal formará cinco pelotões no desfile. Primeiro pelotão "Nossas Raízes", com alunos da Educação Infantil mostrando a construção de um país mais justo e o comprometimento com a educação na primeira infância; segundo "Nossa identidade", com alunos do 1º ao 5º anos do Ensino Fundamental, retratando a identidade negra, a construção social, histórica e cultural; o terceiro pelotão levará a “Nossa História” com alunos do 6º ao 9º anos e do Ensino Médio; o quarto, “Nossa Liberdade”, envolve alunos e profissionais da Educação Inclusiva, Educação de Jovens e Adultos e projetos educacionais destacando os direitos de igualdade e liberdade garantidos pela Constituição do país; e o quinto e último pelotão dará ênfase à “Cultura e Tradição”.

O encerramento mostrará a manifestação cultural de origem africana e uma das maiores tradições da cidade, que é o Boi Pintadinho. Neste pelotão será apresentada "Macaé: Cidade do Saber e do Conhecimento" com integrantes do projeto de Robótica nas escolas, equipe atlética da FeMASS e membros do Centro de Educação Tecnológica e Profissional (Cetep).

Durante todo o desfile haverá apoio operacional de outras secretarias como Defesa Civil, Limpeza Pública, Ordem Pública, Mobilidade Urbana e Secretaria de Saúde, que manterá no local ambulâncias com equipes médicas.

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário