Macaé News
Cotação
RSS

Marcas estrangeiras impulsionam os investimentos na Brasil Offshore

Publicado em 07/06/2019 Editoria: Brasil Offshore sem comentários Comente! Imprimir


Estados Unidos, França e Reino Unido são algumas das nações confirmadas durante a feira

Referência no setor de petróleo e gás, a Brasil Offshore possui a tradição de gerar negócios e oportunidades de networking por ser umas das principais vitrines do segmento do mundo. A participação de empresas estrangeiras confirma a credibilidade da feira diante do mercado e o seu compromisso com a excelência. Com a confirmação de representantes do Reino Unido, Alemanha, Estados Unidos e França, a Brasil Offshore promete ser o ambiente ideal para o intercâmbio de conhecimento e o desenvolvimento dos negócios.

A feira marca a retomada do setor de óleo e gás depois dos resultados da 15° rodada de licitações e da 5° rodada do pré-sal. A entrada de empresas estrangeiras no mercado nacional também trazem novos investimentos, parcerias e projeções positivas para a indústria brasileira.

Mercado nacional atrai novos investidores

Entre os expositores internacionais estão a ECA Robotics, empresa francesa que oferece uma ampla gama de sistemas avançados não tripulados e autônomos exigidos para exploração e produção em águas profundas, e a americana ABS Group, que fornece serviços de gestão da segurança, riscos e integridade. A empresa conta com experiência em realizar projetos em mais de 30 países e está comprometida em estabelecer padrões de segurança e excelência como uma das principais organizações de classificação do mundo.

Vindo do Reino Unido, a ContiTech IFS, é especializada em tecnologia de borracha e material sintético, desenvolvendo e produzindo peças, componentes e sistemas funcionais para engenharia de máquinas e instalações e outras indústrias importantes. No ano passado, a empresa investiu € 245 milhões em novas fábricas, locais e expansões de produção em todo o mundo.

Alemanha: da indústria automotiva aos sistemas complexos de tecnologia

O mercado alemão desembarcou com potencial total nesta edição da Brasil Offshore. Dos principais nomes, temos a A BOLL & KIRCH, fabricante de filtros industriais a nível global, sendo líder mundial em tecnologia de filtração nos setores naval e de construção de motores. Sendo especialista em filtração de fluidos líquidos e gasosos, os âmbitos de aplicação dos filtros bollfilter são múltiplos e abarcam os mais variados ramos industriais, como exemplo a indústria Oil & Gas ou a produção de energia.

No mercado de válvulas de reabastecimento, sistemas de amostragem e válvulas industriais, a ARTA (Armaturen- und Tankgerätebau) se destaca como líder de mercado em acoplamentos de engenharia. Na Brasil Offshore, a alemã irá demonstrar soluções completas de sistemas e serviços especializados para a indústria química, petroquímica, alimentícia, farmacêutica e para a criogenia.

A Witzenmann atua no mercado automotivo e de indústria geral com uma vasta opção de mangueiras metálicas, corrugadas, em espiral, sistema de gás, juntas de expansão, foles metálicos, suportes para tubos, além de diversas peças automotivas. A sua linha de montagem produz elementos flexíveis para sistema de exaustão veicular com componentes importados e nacionais.

Já a Maximator desenvolve sistemas complexos em tecnologia de alta pressão e bancos de testes para ar, líquidos e gases, além de hidráulica e pneumática. A empresa trabalha na implementação de ideias e soluções simplificadas, sistemas rápido e seguro, fornecendo consultoria especializada, engenharia de concepção, entrega de sistemas complexos e de soluções econômicas para tarefas especializadas.

A Festo vem para a feira trazendo qualidade e inovação em seu portfólio, sendo especializada em produtos de alta qualidade, desempenho e versatilidade nas tecnologias pneumática, elétrica e eletrônica, para as indústrias de manufatura e de processos. Atualmente atende mais de 30 mil clientes desses segmentos, com destaque para automotiva, eletrônica, farmacêutico, químico, alimentos e bebidas, entre outros.

Um dos principais fabricantes e fornecedores europeus de suportes modulares para serviços mecânicos, elétricos e construção de fábricas, a Sikla tornou-se um grupo de empresas que atua em 15 países. No Brasil, suas soluções oferecem benefícios como uma engenharia altamente treinada para orientar e apoiar nos mais variados projetos, uma tecnologia que reduz o peso e a quantidade total de aço necessário, e todas as peças são reutilizáveis evitando o desperdício na obra.

Contagem regressiva para o início da feira

Com a planta 100% comercializada, a décima edição da Brasil Offshore espera mais 53 mil visitantes, 600 marcas expositoras nacionais e internacionais, e R$ 300 milhões em geração de negócios.

Em vinte anos de realização, a feira gerou um bilhão e quinhentos milhões de reais em negócios, e contou com a presença de mais de 2.500 marcas e 200 mil profissionais com grande poder de decisão e efetiva capacidade para concretizar negócios.

Durante todo esse período, a Brasil Offshore é reconhecida por reunir empresas de toda a rede produtiva do setor petrolífero em um ambiente altamente técnico e voltado para a aceleração dos negócios, em um momento de reaquecimento na economia.

› FONTE: Ascom


sem comentários

Deixe o seu comentário