Macaé News
Cotação
RSS

Literarte prossegue nas escolas

Publicado em 20/05/2019 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


Literarte prossegue nas escolas

Segue até o final deste mês a Literarte, programação que faz parte do calendário letivo da rede municipal. Alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental, Educação de Jovens e Adultos e Ensino Médio estão participando  do evento, que reúne ainda profissionais e até visitantes.  A edição deste ano tem como temática "Mama África - Explorando a Literatura e a Arte como forma de vencer o preconceito" em homenagem a Nelson Mandela. Um dos focos é a utilização de diversos atores, escritores e poetas, que retratem a cultura afro-brasileira.

No decorrer da programação acontecem apresentações como dança, teatro, coral, jograis e trabalhos artísticos produzidos pelos alunos nas salas de aula. Também estão sendo ministradas oficinas e apresentados painéis sobre a abordagem da Literarte. Para elaboração das atividades,  professores e estudantes  se envolveram em  pesquisas e estudos dirigidos nas disciplinas de Geografia, Língua Portuguesa, Artes e Literatura.

Na Escola Municipal de Educação Infantil Maria Lira Beraldini Campos (Jardim Vitória I), a Literarte ganhou uma conotação especial. Além da programação especial, os alunos aproveitaram para se apresentar no novo espaço, que foi recém-inaugurado. Cerca de 90 alunos, na faixa de três a cinco anos, fizeram parte de atividades como apresentações musicais, peça teatral, desfile afro e bate-papo com a assistente social Mayana Estanislau que atuou  como missionária na África.

Para a diretora Caroline Martins é importante para alunos aprenderem desde pequeno sobre diversidade. "Saber sobre Nelson Mandela, respeito e igualdade sempre será essencial", conta.

Nas atividades do Literarte do Colégio Municipal Wolfango Ferreira (Barra de Macaé), a equipe gestora realizou a abertura do evento, conversando com os alunos sobre a questão das diferenças, respeito e das igualdades entre todas as pessoas de todas as nações, destacando a luta de Nelson Mandela na África do Sul, contra o Apartheid, e seu legado para todo o mundo sobre a paz.

Mandela - A escolha do tema é uma homenagem ao líder da luta negra, cujo centenário está sendo lembrado nas unidades municipais de ensino de Macaé desde o ano letivo de 2018. De acordo com a Superintendente de Educação Integrada, Janaína Pinheiro, é uma feira  em que as escolas traduzem  as aprendizagens mais significativas. 

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário