Macaé News
Cotação
RSS

Escoteiros do Mar realizam atividade especial na região serrana

Publicado em 22/04/2014 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Aconteceu nesse final semana o 1º Acampamento de Aventuras do 115º Grupo Escoteiro do Mar de Macahé. A atividade foi realizada na região serrana e possibilitou aos jovens praticarem diversas aventuras, como rafting e canoagem no Rio Macaé, trilha noturna, aprendizado de salvamento em corredeiras.
O evento marca o retorno das atividades em 2014, e contou com a participação de mais de 30 jovens e voluntários que puderam vivenciar o contato com a natureza e a prática de atividades radicais.
Todo o suporte técnico e operacional da atividade conta com o apoio da Via Nativa, com a sua equipe de instrutores para garantir total segurança e diversão para os escoteiros. “Também comemoramos poder participar desse projeto de sucesso que é o Escotismo em Macaé. Nesses 10 anos dos escoteiros do mar realizamos atividades em conjunto para desbravar toda a região serrana e aprender a admirar o Rio Macaé”, explicou Gerson Nunes da Via Nativa.
Para participarem do acampamento os escoteiros do mar contam com o apoio da Prefeitura de Macaé, através da Coordenadoria Extraordinária de Assuntos Comunitários do Gabinete do Prefeito.
Fundado em 2003 na comunidade da Ajuda de Baixo por voluntários que já praticavam o escotismo em outras unidades da cidade, o 115º surgiu com a proposta de levar o movimento escoteiro para as comunidades carentes do município.

- Hoje, a instituição atende jovens com idade entre 7 e 21 anos e é reconhecido pela sociedade como uma opção de educação extraescolar para jovens de toda a cidade, principalmente de bairros mais carentes -, explicou Vinicius Batista, diretor presidente.
Atualmente os escoteiros do mar contam com o apoio da Prefeitura Municipal de Macaé, da Marinha do Brasil, do Iate Clube de Macaé e do Governo Estadual para realizarem atividades de cunho socioambiental, como auxilio na prevenção à dengue, participação nos mutirões nas escolas, campanhas de apoio a desabrigados e ações de conscientização à preservação do meio ambiente, como limpeza de praias e rios.
Para quem estiver interessado em conhecer o trabalho feito pelo grupo, as atividades  acontecem no Centro de Convivência do Idoso, que fica na Avenida do Caminho, S/Nº, Ajuda de Baixo. Semanalmente as reuniões são feitas aos domingos das 9 às 12hs, revezando entre o Centro de Convivência do Idoso, Iate Clube e Cemeaes da Barra, enquanto a instituição não tem sede própria. Para mais informações basta enviar um e-mail para macahe@gmail.com, acessar o site www.guiadoescoteiro.org.br, pelo Facebook 115º Grupo Escoteiro do Mar Macahé ou ligar para 99964-6725.

Escotismo
Fundado na Inglaterra por Lorde Robert Stephenson Smyth Baden-Powell, em 1907, o escotismo é um movimento mundial, educacional, voluntariado, apartidário, sem fins lucrativos. A sua proposta é o desenvolvimento do jovem, por meio de um sistema de valores que prioriza a honra, baseado na promessa e na lei escoteira, e através da prática do trabalho em equipe e da vida ao ar livre, fazer com que o jovem assuma seu próprio crescimento, tornando-se um exemplo de fraternidade, lealdade, altruísmo, responsabilidade, respeito e disciplina.

Quem pode ser escoteiro?
O Movimento Escoteiro é dividido de acordo com a faixa etária dos jovens, sendo que, para a participação dos adultos voluntários não existe idade limite. Além disso, mesmo sem experiência anterior, todos podem participar. Lobinhos (as): entre 7 e 11 anos; escoteiros (as): entre 11 e 15 anos; sêniores (guias): entre 15 e 18 anos; pioneiros(as): entre 18 e 21 anos.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário