Macaé News
Cotação
RSS

Público vai ao delírio com lutas do X-Force 9 na Praia Campista

Publicado em 26/03/2019 Editoria: Esporte sem comentários Comente! Imprimir


Evento realizado pela primeira vez ao ar livre, lota a areia com grandes combates de MMA

Evento realizado pela primeira vez ao ar livre, lota a areia com grandes combates de MMA

Foi uma noite inesquecível para os amantes do MMA. No último dia 16, a Praia Campista, em Macaé, foi palco da 9ª edição do X-Force, com belas lutas dentro do octógono e o público, que lotou a areia, foi ao delírio com o espetáculo. O evento contou com o apoio institucional da Prefeitura de Macaé.

Ao todo foram nove combates disputados em diversas categorias. A chuva persistiu cair durante o evento e três lutas tiveram que ser canceladas por medidas de segurança pensando na integridade física dos atletas.

A atleta do UFC, Talita Bernardo, marcou presença no evento. Carlos Barreto, mais conhecido como Carlão Barreto, professor e lutador de jiu-jitsu, um dos principais comentaristas do Canal Combate no Sportv, tendo atuado como atleta e árbitro em competições de MMA do Brasil, foi outra personalidade que prestigiou o evento.

De acordo com a organização, a cargo de Luiz Henrique Xavier, a proposta do X-Force é descobrir novos talentos do esporte que mais cresce no mundo. “Sem dúvida nenhuma este evento entrou para a história de Macaé. Montamos uma mega estrutura e o público correspondeu lotando a areia da praia e vibrou a cada combate dentro do octógono. Foi um verdadeiro show. Só tenho agradecer a toda a minha equipe, que me deu todo o suporte, assim como os patrocinadores, pois sem eles nada disso seria possível ser realizado. Por ser um evento inédito, aberto ao público, acredito que deixamos um legado de esporte, lazer e entretenimento as pessoas que prestigiaram o evento”, disse.

CARD DAS LUTAS
Vitória de Anderson Santos diante de Alex “Menino de Rua” por decisão unânime dos juízes;
Vitória de Caio Azevedo diante de Jean “Fera” por nocaute técnico no 1º round;
Vitória de Elilson Ramos diante de Davi Jonathan por nocaute técnico no 1º round;
Vitória de Athos Gonçalves diante de Álvaro Oliveira por nocaute técnico no 1º round;
Vitória de Lucas Mattos diante de Beto Freitas por nocaute técnico no 1º round;
Vitória de Lucas Nascimento diante de Willian Valentim por decisão unânime dos juízes;
Vitória de Marcos “Brigadão” diante de Fernandes Patrocinio por nocaute técnico no 1º round;
Vitória de Tafarel Brasil diante de Guilherme Gam por nocaute técnico no 1º round;
Vitória de Mairon Santos diante de Phellipe Lucena por desistência no intervalo do 1º para o 2º round.
O árbitro das lutas ficou por conto de Johil de Oliveira.

› FONTE: Ascom


sem comentários

Deixe o seu comentário