Macaé News
Cotação
RSS

Ação conjunta realiza fiscalização em ambulantes no Bairro Imboassica

Publicado em 25/03/2019 Editoria: Cotidiano sem comentários Comente! Imprimir


Outras informações podem ser solicitadas pelo telefone 2765-8700, ramal 260.

Outras informações podem ser solicitadas pelo telefone 2765-8700, ramal 260.

Ação conjunta realizada pela Prefeitura de Macaé, na manhã desta segunda-feira (25), fiscalizou ambulantes, trailers e quiosques localizados na entrada da Petrobras, no bairro Imboassica. Os comerciantes foram notificados e deverão sair do local já nesta terça-feira (26). A medida foi realizada após solicitação da comunidade.

A ação foi coordenada pela Coordenadoria Especial de Posturas, órgão vinculado à Secretaria de Fazenda e contou também com a participação das secretarias de Ordem Pública, Mobilidade Urbana e Infraestrutura, Adjunta de Comunicação e Coordenadoria de Vigilância Sanitária (Covisa).

De acordo com o coordenador de Posturas, Paulo Ivo, todos os ambulantes, traillers e quiosques foram notificados e terão que se retirar do local imediatamente.

"Recebemos solicitação de moradores e trabalhadores que relataram a grande movimentação de ambulantes nas entradas da Petrobras, principalmente no período da manhã, atrapalhando o fluxo de carros", disse.
A solicitação informava que no local há circulação de veículos trafegando na contramão, gerando transtornos, principalmente nos horários de mais movimento.

Durante a ação, fiscais colaram notificação num container, que estava fechado, solicitando que o mesmo fosse retirado do local. Já um trailler abandonado será rebocado na manhã desta terça-feira (26), quando as equipes retornarão ao local para verificar se os ambulantes obedeceram as notificações.

Regularização de ambulantes

Os interessados devem comparecer ao protocolo geral da Prefeitura de Macaé, localizado na Avenida Presidente Sodré, 534, Centro. É necessário levar os seguintes documentos: cópia da credencial anterior, foto 3x4, atestado de saúde atualizado, cópia do certificado de regularização sanitária de ambulantes (CRSA), em caso de alimentos. Para cadastro novo é necessário apresentar também cópia do CPF, título de eleitor e comprovante de residência. O atendimento acontece das 8h às 17h.

Se o profissional não se recadastrar e for pego pelos fiscais de Posturas da Prefeitura de Macaé, terá sua mercadoria apreendida, que será levada para um depósito da prefeitura por sete dias. Para reaver os produtos, o ambulante terá que pagar uma multa no valor de 600 URMS.

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário