Macaé News
Cotação
RSS

Prefeitura de Niterói abre inscrições para concurso da Guarda Municipal

Publicado em 18/01/2019 Editoria: Empregos sem comentários Comente! Imprimir


Serão 142 novas vagas com salário inicial de R$ 2,8 mil

A Prefeitura de Niterói publicou nesta sexta-feira (18), o edital para realização do concurso público da Guarda Municipal. Serão 142 novas vagas, além de formação do cadastro reserva para o quadro permanente. As inscrições vão de 1º de fevereiro até 31 de março pelo site www.selecon.org.br. A taxa é de R$ 80. A remuneração inicial para o cargo é de R$ 2.881,27, e é composta por vencimento base e gratificações de risco de vida e por regime especial de trabalho.

Este é o segundo concurso que a prefeitura realiza em cinco anos e a novidade é que 15 vagas serão destinadas a portadores de deficiência. A Guarda de Niterói conta hoje com um efetivo de 572 agentes.

“A Prefeitura de Niterói tem investido na Guarda Municipal nos últimos anos, no sentido de aprimorar os serviços e aumentar o efetivo. Nesse contexto, realiza mais um concurso com o objetivo de ter agentes que possam atender a população e transformar a Guarda em uma das mais importantes do país. Chegaremos a um efetivo de mais de 700 guardas”, destaca o secretário municipal de Ordem Pública, coronel Gilson Chagas.

O concurso terá cinco etapas, com provas de conhecimentos, exame antropométrico e prova de capacidade física, exame psicotécnico, exame médico e investigação social e documental. A primeira fase, uma prova de múltipla escolha sobre Língua Portuguesa, conhecimentos Básicos de Direito e de Informática e conhecimentos sobre Niterói, será realizada 28 de abril. A banca organizadora é o Instituto Nacional de Seleções e Concursos (Selecon).

Os candidatos para concorrer devem ter nacionalidade brasileira ou portuguesa, de acordo com parâmetros constantes da legislação vigente; estar no exercício dos direitos civis e políticos e quite com as obrigações militares e eleitorais; possuir como grau de escolaridade o ensino médio completo até a data da posse; ter, no mínimo, a idade de 18 (dezoito) anos completos na data da posse; não possuir contra si decisão judicial em ação penal, com trânsito em julgado, incompatível com o exercício do cargo; possuir idoneidade moral; ser aprovado em todas as fases do Concurso Público.

Também não poderá ter sido demitido de qualquer cargo ou emprego público, em decorrência de processo administrativo disciplinar ou por justa causa; ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo.

Todos os aprovados deverão participar de Curso de Formação Profissional, de acordo com a Matriz Curricular Nacional para formação de Guardas, do Ministério de Segurança Pública, parte integrante do estágio probatório do ingressante, com duração prevista de três meses e exigências de desempenho e de frequência.

Mais informações sobre o concurso no Diário Oficial do Município ou no site www.selecon.org.br.

Capacitação

Gilson Chagas salienta que a Guarda Municipal de Niterói já pode ser considerada como uma das mais bem preparadas do estado.

“Além dos cursos de aperfeiçoamento que fazem ao entrar na Guarda, temos hoje um departamento acadêmico específico para reciclagem e aperfeiçoamento da tropa. Os cursos práticos e teóricos são frequentes, com o objetivo de melhorar a qualidade do serviço prestado a população. Isso é muito importante”, afirma o secretário.

Curso de Meio Ambiente: Guardas que atuam ou desejam atuar na Coordenadoria de Meio Ambiente podem realizar curso com vasta matriz curricular, com 351 horas de carga horária, divididas entre aulas teóricas e atividades práticas. Os agentes municipais que se candidatam para o curso são capacitados em manejo de animais peçonhentos, sensoriamento remoto e geoprocessamento; técnicas de resgate e salvamento em matas e montanhas; legislação ambiental; mergulho básico; técnicas rapel e até mesmo uma disciplina para laçar animais. Diversos órgãos municipais, estaduais e federais lecionam para os participantes do curso. A Guarda Civil Municipal ministra o cursos em parceria com agentes do Instituto Estadual do Ambiente (Inea); da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SMARHS); Defesa Civil; do Corpo de Bombeiros (CBMERJ); Polícia Militar (PMERJ); Instituto Vital Brazil, biólogos da UERJ; chefes de parques estaduais, além de entidades que tratam de animais debilitados.

Curso de Ações Táticas: Um curso destinado para aqueles que atuam na Coordenadoria de Ações Táticas. Este grupamento da Guarda atua em ocorrências que exijam comportamento e habilidades específicas, lidando com situações delicadas e de alto nível de stress. Durante o curso de trinta dias, que envolve, até mesmo, acampamento em áreas de mata, os agentes são testados ao limite da fadiga mental e psicológica para que tenham um controle emocional acima da média.

Cursos de Qualificação Profissional: Os cursos de qualificações profissionais, de caráter obrigatório para ascensão na carreira, são realizados para os servidores com mais de 10 e 20 de serviço, e tem ênfase em gestão e estratégia e com carga horária de 336 horas. Os agentes aprenderam sobre gestão de conflitos, conhecimento do espaço urbano, o papel dos movimentos sociais, sistemas de inteligência, saúde física e mental, entre outros temas.

Ciclopatrulhamento: A SEOP também promove cursos regulares de ciclopatrulhamento, com objetivo de capacitar agentes para atuarem em bicicletas. Os agentes aprendem sobre técnicas de abordagem, regras de circulação, direção defensiva, métodos de defesa pessoal, pronto-socorro e manutenção de bicicletas.

› FONTE: ASCOM


sem comentários

Deixe o seu comentário