Macaé News
Cotação
RSS

‘Lugares de Memória’ encerra agenda 2018

Publicado em 10/12/2018 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


A partir desta segunda-feira (10), o Solar dos Mellos - Museu de Macaé fechará a agenda para a marcação de grupos interessados em participar do projeto ‘Lugares de Memória’ que faz parte, junto com o ‘Visita Guiada/Integração Museu-Escola’, do Programa de Educação Patrimonial do município. As marcações serão reabertas em fevereiro. Entretanto, para o ‘Visita Guiada’, o agendamento prossegue, por meio do telefone 2759-5049, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. A marcação é necessária apenas para grupos formados por no mínimo dez pessoas. Nos últimos cinco meses cerca de 2.500 visitantes interagiram com o museu nos diversos programas.

O &39;Lugares de Memória&39;, que acontece sempre às quartas-feiras, nos turnos da manhã e da tarde, consiste em um tour histórico, turístico e cultural pelo Solar, pelo Forte Marechal Hermes e pela Igreja de Sant&39;Anna. O programa pretende oferecer a moradores e visitantes, especialmente a estudantes e a professores, a oportunidade de conhecer a história de Macaé e de seu patrimônio arquitetônico e cultural, para a promoção de pertencimento, identidade, cidadania e conhecimento. Os grupos precisam ter transporte próprio.

Já o projeto ‘Visita Guiada’, que agrega ainda o Programa Nacional Museu-Escola, é restrito ao Solar dos Mellos. A programação oferece atividades para estudantes tanto do Pré-escolar até o 3º ano do Ensino Fundamental, quanto para grupos com escolaridade a partir deste nível ao doutorado. Os alunos até o 3º ano do Ensino Fundamental são recepcionados por historiador no pátio do Solar, onde conhecem a história da casa. Ao entrar no prédio, os visitantes apreciam mostra e o patrimônio artístico cultural exposto, assistem a desenhos animados que tratam de três lendas da região serrana e uma lenda do litoral da cidade. São elas: ‘A biquinha do amor’; ‘A porquinha de tamancos’, ‘João Gira’ e ‘Vinagre’.

Os visitantes com escolaridade acima do 3º ano do Ensino Fundamental vão conhecer uma síntese geo-histórica de Macaé, nos períodos: colônia, império e república e são convidados a se inteirarem sobre a vida do personagem histórico, Motta Coqueiro, e a arquitetura do Solar, localizado na rua Conde de Araruama, 248, no Centro.

Alunos do Colégio Municipal Doutor Cláudio Moacyr de Azevedo, no bairro Parque Aeroporto, que na última semana participaram do ‘Visita Guiada’, segundo a orientadora educacional, Andrea Waldehelm, serão inscritos para o ‘Lugares de Memória’ assim que a agenda for reaberta em fevereiro. Ela e a também orientadora educacional e idealizadora do projeto pedagógico, Raquel Miranda, utilizam estes dois projetos culturais do município para alcançarem seus objetivos educacionais. Andrea explica que a proposta pedagógica é valorizar alunos que se destacam em todas as turmas com bom rendimento, boa conduta e postura colaborativa.  Estudantes com estas características das 28 turmas da escola são convidados a participar dos projetos do museu, divididos em três turmas, como forma de incentivo.

"Foi muito bom participarmos do ‘Visita Guiada’ e vamos nos inscrever para o ‘Lugares de Memória’, porque assim ampliamos o universo dos alunos. Eles conhecem as ofertas culturais da cidade e podem propor que os pais também as conheçam.  Também é uma oportunidade para que alguns estudantes saiam do bairro e apreciem a história de Macaé, especialmente porque muitos são filhos de pessoas que não nasceram na cidade", disse Andrea.

› FONTE: Secom Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário