Macaé News
Cotação
RSS

Após dois anos em análise, escola de Cabo Frio associa-se à Unesco

Publicado em 21/11/2018 Editoria: Educação sem comentários Comente! Imprimir


A Escola Canto dos Pássaros é a primeira da Região dos Lagos a se tornar uma associada da Organização das Nações Unidas para Educação, a Ciência e a Cultura - Unesco. A aprovação veio no último mês, após 2 anos de criteriosa análise. Em 180 países, apenas 8.500 instituições educacionais conseguiram aprovação para fazer parte do Projeto da Rede de Escolas Associadas (PEA), fundado em 1953.

Dentre os pré-requisitos exigidos à escola pela Unesco, o principal é comprovar que apoia e coloca em prática a compreensão internacional, a paz, o diálogo intercultural, o desenvolvimento sustentável e a educação de qualidade. A Escola Canto dos Pássaros participa, por exemplo, do “Desafio 2030 – Escolas transformando o nosso mundo”, que tem como propósito reconhecer projetos transformadores ligados aos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Além disso, o Canto expõe, anualmente, os melhores trabalhos dos alunos em uma exposição de arte no castelo de Praga, na República Tcheca. Oferece aos alunos aula de robótica, musicalização e tem o desenvolvimento artístico incentivado. Todos os projetos fizeram com que a escola se tornasse a primeira da região a se associar à Unesco.

Os professores, funcionários e alunos de escolas associadas recebem capacitação pela PEA e têm acesso a informações diferenciadas, melhorando a qualidade do ensino. Além disso,  há  interação com outros participantes da rede, que acontece durante atividades além da sala de aula.

No Brasil, em especial, a coordenação da PEA enfatiza a necessidade de fortalecer os quatro pilares da Educação para o Século XXI (aprender a conhecer, a fazer, a ser e a viver juntos) e de promover uma educação de qualidade. Por isso, a Canto dos Pássaros possui os programas “Bilíngue do Uno Internacional” e o High School, que forma alunos com diplomas de ensino médio brasileiro e americano, para que tenham facilidade no ingresso em qualquer universidade fora do país.

› FONTE: ASCOM


sem comentários

Deixe o seu comentário