Macaé News
Cotação
RSS

Christino foi eleito o deputado federal mais votado das Regiões, Norte, Noroeste e Serrana

Publicado em 08/10/2018 Editoria: Eleiçoes 2018 sem comentários Comente! Imprimir


Christino afirmou que ser escolhido para representar o estado do Rio na Câmara Federal aumenta a sua responsabilidade para com a população

Christino afirmou que ser escolhido para representar o estado do Rio na Câmara Federal aumenta a sua responsabilidade para com a população

O deputado estadual Christino Áureo foi eleito deputado federal pelo Progressitas, na coligação DEM/PP/MDB com 47.101 votos, sendo o mais votado nos municípios das Regiões Norte, Noroeste e Serrana do Estado. Eleito deputado estadual por três mandatos consecutivos, Christino afirmou que ser escolhido para representar o estado do Rio na Câmara Federal aumenta a sua responsabilidade para com a população.

- Essa eleição aumenta muito a nossa responsabilidade principalmente porque a nossa proposta sempre foi representar o interior do Estado, e nada melhor do que estar legitimado pois é o eleitor que diz que você o representa. Essa foi uma eleição atípica com fenômenos que levaram bancadas enormes ao fracasso e nós conseguimos nos manter na nossa proposta de conquistar o mandato de deputado federal.

O deputado foi eleito defendendo propostas claras para o interior, como montar uma frente parlamentar de defesa do segmento petróleo e energias renováveis, um segmento muito importante especialmente para Macaé e municípios do entorno. Outra bandeira defendida pelo deputado é a defesa da Agricultura e Pecuária.

- Macaé e a região toda hoje,  é uma espécie de Texas Brasileiro, pois tem petróleo e uma pecuária muito forte. E a  vocação agrícola, assim como a Região Serrana e Noroeste tem que ser defendida e desenvolvida.
Para Christino o município não pode ficar dependendo apenas das suas receitas para as obras de infra-estrutura tão necessárias para o crescimento econômico.

- Fica aqui o meu compromisso de buscar recursos para que as estradas sejam recuperadas e apesar de todas as maledicências sobre a Amaral Peixoto eu volto a reforçar que tenhamos essas rodovias concedidas sem qualquer pagamento de pedágio. Existe o modelo de parcerias publico privada (PPP) que prevê concessões dessa forma. E vou continuar lutando pelos recursos para o aeroporto de Macaé e o término da duplicação da BR-101 - finalizou Christino Áureo. 

› FONTE: ASCOM


sem comentários

Deixe o seu comentário