Macaé News
Cotação
RSS

Professora é agredida por mãe de aluna em Cabo Frio

Publicado em 27/09/2018 Editoria: Cotidiano sem comentários Comente! Imprimir


Mais uma vez, a Região foi palco de um episódio de violência contra professores. Desta vez, uma docente da Escola Municipal Professora Talita Hernandes Perelló, foi agredida pela mãe de uma das suas alunas. O caso aconteceu nesta terça-feira (27).

A ocorrência vem à tona justo num período de atenção ao assunto. Afinal, há uma semana, na cidade vizinha ao caso de  violência contra professores  de ontem, o professor Thiago dos Santos foi humilhado por alunos em um Centro Integrado de Educação Pública (Ciep) de Rio das Ostras. 

De acordo com a Secretaria de Educação , a professora, que não teve o nome revelado, estava "chocada", "bastante arranhada" e com o "cabelo puxado", após o episódio. Ainda segundo a secretaria, a servidora foi imediatamente acolhida pelo corpo jurídico da prefeitura, que a acompanhou até uma delegacia para fazer registro da ocorrência contra a mãe da aluna.

Em entrevista, a mãe que agrediu a professora alegou que sua filha estaria sofrendo humilhações na escola e, por isso, ela foi até o local para tirar satisfações. Ainda segundo a mãe, a vítima a teria chamado de "desequilibrada", começando aí confusão.

A Câmara Municipal de Cabo Frio divulgou uma nota de repúdio ao ato, e informou que a Comissão de Educação está entrando em contato com a professora agredida para dar todo o suporte jurídico e psicológico necessários.

"Esta Comissão torna público seu repúdio em nome de todos os vereadores desta casa, pois apenas baseados no diálogo e na educação que teremos o avanço da nossa sociedade", diz a nota.

No caso da semana passada, o professor Thiago foi agredido enquanto aplicava uma prova. O episódio foi gravado por um dos alunos, que tiravam sarro do professor. Além de agressões morais, o docente sofreu um ataque com uma pochete, que foi arremessada em direção a ele. As imagens acabaram levando a polícia a instaurar um inquérito para investigar o caso de violência contra professores .

Com informações da Agência Brasil.

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário