Macaé News
Cotação
RSS

População prestigia desfile comemorativo aos 205 anos de Macaé

Publicado em 30/07/2018 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


avenida Elias Agostinho recebeu crianças, jovens, adultos, representantes das escolas e uma multidão que prestigiou a anual programação comemorativa

avenida Elias Agostinho recebeu crianças, jovens, adultos, representantes das escolas e uma multidão que prestigiou a anual programação comemorativa

"O melhor de mim. Somos todos iguais em nossas diferenças". Este foi o tema central do desfile cívico de 205 anos de fundação da vila de Macaé, neste domingo (29). A avenida Elias Agostinho recebeu crianças, jovens, adultos, representantes das escolas e uma multidão que prestigiou a anual programação comemorativa. Antes do evento, o prefeito de Macaé, Dr. Aluizio, participou junto com autoridades civis e militares do hasteamento das bandeiras na frente da prefeitura.

O prefeito de Macaé parabenizou a população e lembrou da trajetória de desenvolvimento do município. "Macaé chega aos 205 anos superando inúmeros desafios e está se destacando pela capacidade de enfrentar os anos com muita luta, bem-estar e espírito de igualdade. É tempo de luta e perseverança. Passamos por momento histórico diferente e Macaé se prepara para os próximos 200 anos. Vivemos os piores dias econômicos em nível nacional e agora estamos prontos para novos momentos, que não serão poucos. Continuamos no caminho do crescimento e fortalecimento da economia petrolífera e turística. Estamos muito mais maduros, com capacidade para o enfrentamento. Temos uma cidade mais justa para todos”, disse.

Fizeram parte da programação corporações e instituições como Capitania dos Portos, Forte Marechal Hermes, 9° Grupamento de Bombeiro Militar, Defesa Civil, Guarda Civil Municipal, Ordem Pública, 95º Grupo Escoteiro Macaé, 99º Grupo Escoteiro Macaé e 115º Grupo Escoteiro do Mar Macahé, Nova Vida, Macaé Basquete, Polo de Cultura Fronteira, Motoclube de Macaé, Embaixadores do Rei, Clube dos Desbravadores de Macaé, Despertar Débora - Movimento das Mães de Oração.

A secretária Municipal de Educação, Leila Clemente e a Adjunta de Educação Básica, Gelda Tavares, agradeceram aos pais, alunos e profissionais. "Ver a integração das crianças e contar com apoio da população faz toda a diferença. Aproximar a comunidade da escola é essencial para o desenvolvimento do processo de ensino. Ficamos felizes em evidenciar para a população os projetos desenvolvidos na educação", ressaltaram.

A aluna da Escola Ana Benedicta da Silva Santos (Centro), Raquel Barcelos, de cinco anos, fez questão de acordar cedo para desfilar na avenida. Acompanhada do pai, Jonis Dias da Silva, a pequena exibia sorrisos. "É importante a participação dela neste processo escolar. Além do civismo, o desfile contribui para socialização e formação da cidadania", comentou o pai. 

Sandra Dias e Iraci Silva de Araújo assistiram aos desfiles das corporações musicais. "Gostamos muito da cidade, todo dia 29 de julho já se tornou tradição assistir. Me emocionei com a Corporação Musical Jamil Andrade Dias, que homenageou meu tio", diz Sandra.

Corporações musicais mostraram talento

O talento e originalidade das corporações musicais arrancaram aplausos. Foram elas: Generino Teotônio de Luna (Professor Jamil Andrade Dias - Virgem Santa), Polivalente Anísio Teixeira (Costa do Sol), Cláudio Moacyr de Azevedo (Aeroporto), Oscar Cordeiro (Aeroporto), Professora Maria Isabel Damasceno Simão (Centro), Paulo Freire ( Lagomar), Leonel de Moura Brizola (Barra), Elza Ibrahim (Ajuda), Carolina Curvello Benjamin (Trapiche) a recém-criada Tarcisio Paes Figueiredo (Professor Rossini Medeiros-Bicuda Grande) que, pela primeira vez, se apresentou em um evento de porte.

O Polo de Cultura Fronteira levou um trio elétrico e pelotões de escolas apresentaram projetos que envolvem contação de histórias e a importância da leitura. A Banda Marcial Veteranos de Macaé, as convidadas de Quissamã e Carapebus, Desbravadores de Macaé, Clube de Aventureiros, Moto Clube e Buggy Tubular Macaé participaram.

Educação inclusiva apresentaram dança e arte

O desfile contou com cinco pelotões, conduzidos pelas superintendências da Educação. O primeiro foi "O melhor de mim é ser diferente", que teve a participação da Corporação Musical Jamil de Andrade Dias (Escola Municipal Generino Teotônio de Luna).

A Educação Inclusiva foi o destaque com o Grupo Núcleo de Dança Portadores da Alegria, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Educação de Jovens e Adultos (EJA), Centro Municipal Especializado em Apoio ao Escolar (Cemeaes) e os módulos da Serra, Centro, Aeroporto e Barra. O pelotão contou com o Ônibus Biblioteca sobre Rodas e as frotas que atendem os alunos da Educação Especial.

Marcelo Rodrigues e Lourdes Trajano, representantes da APAE Macaé, falaram sobre a luta da entidade pela inclusão e por oportunidades de integração. “O tema do desfile nos motiva ainda mais. Temos cerca de 100 pessoas no desfile entre pais, assistidos, profissionais e voluntários”. Renata de Souza, de 25 anos, está desde 2007 na Apae. “Eu estou adorando mostrar a capoeira no desfile”.

O coordenador de equoterapia da prefeitura, Emerson João, e a psicóloga Alana Costa informaram que 180 pessoas são beneficiadas no trabalho realizado de segunda a sexta, das 8h às 17h no Parque de Exposições, no Barreto, e em Córrego do Ouro, toda sexta-feira. São crianças especiais com dificuldades, a maioria com autismo e down.

O desfile também contou com a participação do grupo Mães Motivados pelo Autismo-Macaé (Mopam) e o projeto "Rir para não chorar".

HASTEAMENTO

A cerimônia de hasteamento da bandeira contou com secretários e representantes de entidades militares. Entre eles estiveram o comandante do Forte Marechal Hermes, major Rodrigo Bizerra; representante do 32º Batalhão da Polícia Militar, Hudson César Salgado; além dos representantes da Delegacia da Capitania dos Portos de Macaé, suboficial Carlos Veiga e sargento Rodrigo Menezes e tenente Carlos César da Silva e do 9º Grupamento de Bombeiros Militar, major Rafael Maia.

› FONTE: SECOM Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: