Macaé News
Cotação
RSS

Procon Macaé realiza 5,4 mil atendimentos no primeiro semestre

Publicado em 12/07/2018 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


No primeiro semestre deste ano, a Procuradoria Adjunta de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Macaé) realizou 5.416 atendimentos. Deste total, o órgão promoveu 663 audiências de conciliação. A maioria das reclamações é do público feminino, com 54,11%. Ou seja, 45,89% do sexo masculino.

Ao traçar o perfil dos consumidores, a faixa etária de 31 a 40 anos ficou com 21,73% dos registros. Em seguida, consumidores de 51 a 60 anos, com 19,47% e de 41 a 50 anos, com 19,34%. Os demais números estão divididos entre acima de 60 anos e jovens.

Já quando as ocorrências são por assunto, os serviços essenciais como telefone, energia e água, ficam com 37,90% . Em sua maioria, estão relacionadas a cobranças e cortes indevidos do fornecimento do serviço, além de aumentos injustificados. Os serviços financeiros representam 27,30% e, os produtos 19,84%, como fogão, geladeira e máquina de lavar com defeitos.

O ranking das empresas que mais receberam reclamações é: Enel - antiga Ampla (439); Telefônica Brasil -Vivo (427); Claro S/A (365); Oi Telefonia fixa (363); Bradescard (199); Via Varejo S/A - Ponto Frio/Casas Bahia (181); Tim Telefonia (149); BRK Ambiental (142); Oi Telefonia móvel (134); Banco Itaú (123).

O objetivo do órgão é orientar, educar, proteger e defender os consumidores contra abusos nas relações de consumo. "Oferecemos um serviço gratuito, buscando resolver as demandas dos consumidores, evitando a necessidade de recorrer ao Poder Judiciário", explica o procurador adjunto de Proteção e Defesa do Consumidor, Carlos Fioretti.

O Procon funciona no Centro Administrativo Luís Osório (Cealo), térreo, localizado na Avenida Presidente Feliciano Sodré, Centro, 466, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, ou nos pontos de atendimento da Barra, Córrego do Ouro e Sana. Além da assistência presencial, o Procon orienta e esclarece dúvidas pelo telefone 2791-9088 ou por email procon@macae.rj.gov.br.

› FONTE: SECOM


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: