Macaé News
Cotação
RSS

Polo Fronteira tem inscrições abertas para Corferbol

Publicado em 09/04/2018 Editoria: Esporte sem comentários Comente! Imprimir


No esporte o praticante marca pontos quando acerta a bola na cesta do time adversário

No esporte o praticante marca pontos quando acerta a bola na cesta do time adversário

Estudantes da rede pública e interessados da comunidade a partir de 11 anos, que desejam conhecer e aderir ao Corfebol, podem se inscrever no Polo de Cultura Fronteira, espaço de inclusão social que funciona na Barra. O cadastro pode ser feito das 8h às 17h, na rua Manoel Marques Monteiro, 724. Basta apresentar documentos pessoais e atestado médico. Para jogar Corfebol não há limite de idade. De nome diferente, a modalidade se destaca pela integração e igualdade entre os jogadores.

As aulas de Corfebol acontecem às terças e quintas, das 16h às 17h30, na praça da Fronteira, em frente ao Colégio Municipal Professor Samuel Brust. Já em dias de chuva, a modalidade é realizada no espaço do Polo Fronteira. De acordo com o professor responsável, Juan Leal, o espaço conta com a equipe sub 14 (alunos até a faixa de 14 anos). No entanto, dependendo do número de interessados, o local pode contar com a equipe sub 15 (acima de 15 anos).

"A expectativa é receber um número expressivo de interessados e continuar mantendo as conquistas valiosas que registramos nos últimos anos. O time do Polo Fronteira está se preparando para os Jogos Estudantis das Escolas Municipais (Jeem-Serra), que vai acontecer no dia 09 de maio, na quadra do Colégio Municipal do Sana", comentou.

A modalidade conta com dois times formados por oito pessoas cada um: quatro do sexo masculino e quatro do sexo feminino. São dois casais no ataque e dois na defesa e a cada duas cestas, eles trocam de posição. O jogo, que se assemelha ao basquetebol, se destaca pela inclusão.

O Corfebol é um jogo misto proveniente da Holanda. O grande diferenciador da modalidade é a igualdade de gêneros. É o único desporto no qual é obrigatória que as equipes sejam constituídas por 50% dos participantes do gênero masculino e 50% do gênero feminino.

No esporte o praticante marca pontos quando acerta a bola na cesta do time adversário. A cada duas cestas, os times trocam de zonas. Os defensores viram atacantes e os atacantes viram defensores. Na metade do tempo de jogo (dois tempos de 30 minutos), os times trocam de lado da quadra.

Fronteira - O Polo de Cultura Fronteira é um espaço da Secretaria de Cultura. O local oferece aulas de arte, dança e atividades ligadas à leitura, na biblioteca do espaço.

› FONTE: SECOM


sem comentários

Deixe o seu comentário