Macaé News
Cotação
RSS

Macaé promove Dia D de Combate ao Aedes aegypti

Publicado em 08/12/2017 Editoria: Saúde sem comentários Comente! Imprimir


A Prefeitura de Macaé realiza, nesta sexta-feira (8), o "Dia D" de Combate ao mosquito Aedes aegypti, responsável em transmitir a dengue, zika e chikungunya. A ação é realizada pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), da Secretaria de Saúde. Os agentes de combates a endemias realizam ações no Centro, em frente à Sociedade Musical Nova Aurora; no Visconde, na Farmácia Municipal, e no estacionamento do supermercado JPavani, que conta com a parceria dos estudantes da Escola Técnica José Rodrigues da Silva, através do Projeto de Mãos dadas com a saúde.

De acordo com o coordenador geral do CCZ, Flávio Paschoal, a estratégia faz parte das ações de mobilização da sociedade e marcam a intensificação do trabalho de enfrentamento ao mosquito. Os agentes eliminam criadouros, realizam tratamento com larvicida e orientam os munícipes.

O agente de endemias Thiago Peixoto conta que quem passou em frente à Nova Aurora, teve a oportunidade de se informar sobre possíveis criadores do mosquito Aedes.

- Nós entregamos folders explicativos sobre a doença, mostramos como são as larvas do mosquito Aedes e recebemos demandas dos moradores para que possam ser atendidas posteriormente, explicou.

Além da distribuição de folders, os agentes de endemias realizam visitas nas residências dos bairros: Centro, Aroeira, Visconde de Araújo, Riviera Fluminense, Botafogo, Cavaleiros, Nova Esperança, Parque Aeroporto, Lagomar, Córrego do Ouro e Nova Holanda, sendo que este último também contará com a equipe de controle de roedores.

Para esta ação, segundo Flávio Paschoal, foram mobilizados 130 agentes de endemias. Ele alerta toda a população sobre a importância de redobrar os cuidados com o quintal principalmente nesse período de chuvas.

- Após a chuva, todo morador deverá vistoriar o seu quintal e verificar se não existe nenhuma água acumulada que servirá de possíveis criadouros de larvas do mosquito. Flávio ressaltou ainda que as vasilhas de animais devem ser lavadas todos os dias e as caixas d´água devem estar tapadas devidamente. Enfim, são esses cuidados que todo cidadão deverá ter, alertou.

Além da abordagem sobre o Aedes aegypti, no JPavani, será realizada vacinação em adultos contra a febre amarela, hepatite B e tétano, verificação de pressão arterial, orientações sobre câncer de mama, autoexame da mama, câncer de próstata, DST/Aids e distribuição de preservativo.

Mais informações, reclamações ou solicitações de visitas poderão ser feitas na sede do CCZ, localiza na Rua Darcílio Possati, 134, Visconde de Araújo, ou pelo email: cczmacae@yahoo.com.br.

› FONTE: Ascom


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: