Macaé News
Cotação
RSS

CAp oferece 85 vagas para cursos de extensão 2014

Publicado em 27/03/2014 Editoria: Educação sem comentários Comente! Imprimir


Comprometido com a educação de qualidade, o Colégio de Aplicação (CAp), da prefeitura, não restringe o ensino-aprendizagem aos muros da instituição e está oferecendo 85 vagas, abertas à comunidade de educadores, para cursos de extensão destinados à formação continuada dos profissionais. As aulas começam no dia 6 de maio e os interessados poderão escolher entre os seguintes temas: “Educação e Diversidade Sexual”, “Práticas em Educação Musical” e “Jogos Teatrais”.

As inscrições estarão abertas da próxima segunda-feira (31) até o dia 13 de abril, no site da prefeitura www.macae.rj.gov.br. Os cursos têm horários e dias diferentes e serão ministrados no CAp, que começou este ano letivo em novo prédio, à rua Almirante Raimundo Corrêa, 151, no bairro Granja dos Cavaleiros. Mais informações pelo e-mail extensao.cap@gmail.com.

Com apenas quatro anos de existência, o CAp atua com responsabilidade no plano educacional com base no ensino, pesquisa, extensão e estágio. O colégio funciona em regime de dedicação exclusiva e, durante o ano, com a realização de vários eventos, os alunos conseguem aplicar na prática o conhecimento que aprenderam em sala de aula.

- Os cursos de extensão são importantes para os docentes porque visam à formação continuada com aprimoramento do conhecimento e a possibilidade de pertencer a um espaço de troca com os colegas. Além disso, a formação dos alunos precisa também privilegiar a dimensão artística e cidadã que os cursos do CAp oferecem – ressaltou a vice-diretora da Faculdade Miguel Ângelo da Silva Santos (FeMASS) e responsável pelo acompanhamento do trabalho pedagógico do CAp, Balade Ayala.

O coordenador de Extensão do CAp, professor Paulo Henrique Dantas, disse que o curso de “Educação e Diversidade Sexual” foi implementado baseado no Programa Nacional de Educação e Direitos Humanos que trabalha a questão na escola no campo pedagógico para inserir a concepção entre todos - alunos, professores, demais funcionários e a comunidade em geral – no processo que envolve ações educativas e culturais.

- É aprender a incluir porque a diversidade é um direito de todo cidadão. A inclusão da temática no cotidiano da escola é importante e também pode se aplicar a outros temas -, destacou.

Segundo ainda Dantas, os outros dois cursos têm a ver com a produção cultural, envolvendo a música e o teatro na sala de aula como instrumentos pedagógicos no auxílio aos alunos, a fim de tornar as aulas mais dinâmicas.

Os cursos de extensão têm curta duração e as aulas são semanais, com carga horária total de 80 horas, mas oferecem ampla diversidade de conteúdo pedagógico, teórico e prático, possibilitando atualização, capacitação e conhecimento. São gratuitos e os participantes serão certificados.

O CAp é mantido pela Funemac, vinculado à FeMASS, a faculdade pública municipal, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed).

Um pouco de cada curso

“Educação e Diversidade Sexual” - Pretende proporcionar subsídios teóricos e metodológicos com o objetivo de contribuir para abordagens mais inclusivas no que se refere ao tema diversidade sexual no cotidiano escolar. São 40 vagas oferecidas e destina-se aos profissionais da Educação, alunos do curso de Formação de Professores (Nível Médio) e de Licenciaturas.

As aulas serão ministradas às terças-feiras, das 14h às 17h, pelo professor de Sociologia da rede municipal de ensino Paulo Henrique Dantas, mestre em Ciências Sociais pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) e coordenador do Programa de Estudos em Direitos Humanos do CAp.

“Práticas em Educação Musical” – Visa oferecer subsídios metodológicos aos docentes para o trabalho com música em sala de aula, através da utilização de instrumentos musicais de corda e percussão. São 20 vagas oferecidas e o seu público-alvo são professores do 1º ao 9º anos de escolaridade do Ensino Fundamental, alunos do curso de Formação de Professores (Nível Médio) e de Licenciaturas. As aulas serão ministradas às quartas-feiras, das 14h às 17h, pelo músico e regente Wíverson Cardoso, professor de Música do CAp.

“Jogos Teatrais” - Tem por objetivo estimular entre docentes a utilização do teatro como recurso pedagógico a ser inserido no processo de letramento das crianças. São 25 vagas oferecidas para professores do 1º ao 5º anos de escolaridade do Ensino Fundamental e professores da Educação Infantil. As aulas serão ministradas às quintas-feiras, das 9h às 12h, pelo ator de televisão e teatro André Souza, professor de Artes da rede municipal de Macaé. 

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário