Macaé News
Cotação
RSS

Cresce vaga de emprego após leilões do petróleo

Publicado em 14/11/2017 Editoria: Empregos sem comentários Comente! Imprimir


A segunda e a terceira rodadas de partilha do pré-sal, ocorridas em outubro; o 14° leilão, com áreas no pós-sal, realizado em setembro e a expectativa da quarta rodada do pré-sal e do 15º certame do pós-sal dão novo fôlego ao setor e prometem aquecer o mercado de trabalho. A perspectiva é de que até 2020 sejam criadas cerca de 500 mil oportunidades de trabalho diretas e indiretas no arranjo produtivo de petróleo e gás no país, de forma gradativa, segundo o Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP).

Em Macaé, dados da Central do Trabalhador da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda já sinalizam a melhora na geração de vagas de emprego: nesta semana há 294 oportunidades. Na semana passada, foram 318 e na anterior, em 30 de outubro, 292 postos de trabalho. No início de outubro, a média semanal foi de 100 vagas de emprego, ou seja, as oportunidades quase triplicaram.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Gustavo Wagner, o resultado prático da retomada do calendário de leilões é a volta dos contratos e consequentemente dos empregos. "Isso mostra o reaquecimento do mercado, uma vez que as atividades de estudo, prospecção e desenvolvimento são as maiores demandantes para a cadeia de fornecimento", citou.

A segunda e a terceira rodadas do pré-sal ofertaram oito lotes das bacias de Campos e Santos, registrou R$ 6,15 bilhões arrecadados com 75% das áreas arrematadas - seis blocos. Já na 14ª Rodada de Licitações de Petróleo e Gás, a Bacia de Campos foi o destaque com todos os blocos arrematados, com negociações no valor de R$ 3,6 bilhões dos R$ 3,8 bilhões da rodada.

Avanço

O Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis garante que os leilões vão oportunizar a oferta e as contratações de emprego, em curto, médio e longo prazo, como o processo de exploração e produção de petróleo.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, as rodadas de licitações contribuem para a abertura de novas oportunidades de desenvolvimento econômico e somam às mudanças na área. "As rodadas do pré-sal e do pós-sal, os avanços legais e tributários garantidos pelo governo federal, tais como a flexibilização das regras de conteúdo local e a prorrogação do Repetro são catalisadores neste cenário", citou.

Gustavo Wagner pontua que Macaé está pronta para a retomada do setor, sendo um município com expertise de 40 anos em apresentação de solução para a indústria do petróleo. "Percebemos que as ações destravam investimentos e ajudam a implantar um novo ciclo de desenvolvimento e geração de emprego. Macaé tem todo o potencial para receber novos investimentos, é o centro da prestação de serviço para exploração e produção de petróleo no Brasil e na América Latina", comentou.

Calendário de leilões continua em 2018
A quarta rodada de leilões do pré-sal, marcada para junho de 2018, ofertará cinco blocos, dos quais quatro em frente ao litoral do Rio de Janeiro. Se todas as áreas forem arrematadas, a expectativa é de um investimento de R$ 60 bilhões para a cadeia de óleo e gás.

Os quatro lotes localizados no litoral do Rio são denominados Dois Irmãos, Saturno, Três Marias e Itaimbezinho e ficam entre as bacias de Santos e Campos.

Já a 15ª rodada de licitações com blocos no pós-sal e em terra vai ocorrer em 29 de março, quando serão ofertados 70 blocos, sendo 49 nas bacias marítimas de Campos, Santos, Ceará, Potiguar, Sergipe-Alagoas. Neste leilão, o regime é de concessão e vence a licitação a empresa que pagar o maior bônus para o governo.

Central do Trabalhador capta vaga e encaminha profissional
A Central do Trabalhador de Macaé fica localizada em frente ao Estádio Cláudio Moacyr, na Barra, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Não é necessário fazer agendamento para concorrer a uma das vagas. Ela capta as vagas de emprego no mercado e cruza com dados dos trabalhadores, encaminhando para a oportunidade.

Três serviços gratuitos são disponibilizados para o trabalhador: encaminhamento para vaga de emprego, emissão de carteira de identidade e de trabalho. Para emissão de carteira de identidade e de trabalho é necessário fazer o agendamento pelo site www.macae.rj.gov.br/trabalhoerenda ou pelo 0800-0211138. Em seguida, o candidato deve comparecer à CTM. Em caso de dúvida, o trabalhador pode ligar para a Central pelo telefone (22)2763-6344. 

› FONTE: SECOM Macaé


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: