Macaé News
Cotação
RSS

Obras do novo DPO de Glicério em fase de conclusão

Publicado em 26/10/2017 Editoria: Segurança sem comentários Comente! Imprimir


Estão em fase de conclusão as obras do novo Departamento de Polícia Ostensiva (DPO) de Glicério, na região serrana, que está sendo construído no centro da localidade, em prédio que abrigava os banheiros públicos, ao lado da antiga Estação Ferroviária. As obras são uma parceria entre a Associação de Moradores, com apoio dos comerciantes locais. A Prefeitura de Macaé, por meio das Secretarias de Infraestrutura e Adjunta do Interior fornecem a mão de obra.

Segundo o secretário adjunto do Interior, Jocimar Gomes de Oliveira, o Boca, desde o fechamento pelo Estado do antigo DPO que funcionava em Glicério, na Ilha da Canoa, os moradores da localidade estavam preocupados em relação à segurança pública.

- Glicério é uma localidade serrana que recebe muitos visitantes durante todo o ano e a segurança pública é fundamental - informou o secretário do Interior, Jocimar Gomes, o Boca, acrescentando o apoio do prefeito Dr. Aluízio, do secretário de Infraestrutura, Célio Chapeta e do presidente da Associação Moradores, Hyago Dorneles, para a obra.

Segundo o secretário Boca, desde que foi desativado o antigo local, os moradores vinham reivindicando a volta do DPO em uma área mais central. Conhecendo o problema, os secretários buscaram junto ao Conselho Comunitário de Segurança Pública (CCSP) de Macaé, presidido por Patrick Moraes, apoio para conseguir junto à Polícia Militar do Rio de Janeiro, através do comandante, o coronel Wolney Dias Ferreira, e do comandante da PM de Macaé, Marco Aurélio Vollmer, que abraçaram a ideia.

O novo DPO funcionará com recepção, quarto e dois banheiros para atender aos policiais de plantão, cozinha e área de lazer. "Em área central da localidade, o novo departamento representa maior visibilidade para a segurança e acesso mais fácil aos moradores e turistas. A estimativa é que o novo local seja inaugurado no mês de novembro", afirmou Hyago Dorneles.

Mesmo com a transformação do prédio em novo DPO, a comunidade não ficou prejudicada. Os antigos banheiros estão sendo concluídos atrás do prédio e vão oferecer, inclusive, portas mais amplas para acessibilidade aos portadores de deficiência.

› FONTE: Ascom


sem comentários

Deixe o seu comentário