Macaé News
Cotação
RSS

Artilheiro da noite, Roger faz dois e afirma: "Tivesse sido 3 ou 4 não seria absurdo"

Publicado em 11/09/2017 Editoria: Esporte sem comentários Comente! Imprimir


Roger tem 16 gols na temporada. Oito desses foram marcados em clássicos. Para ele, o número merecia ser ainda maior. Autor dos dois gols na vitória do Botafogo por 2 a 0 diante do Flamengo neste domingo à noite, no Nilton Santos, pelo Brasileiro, o centroavante considerou o placar econômico. 

Na partida, ele perdeu outras três chances reais de gol. Uma delas Diego Alves defendeu. Duas chutou para fora. Ficou barato, na visão do artilheiro alvinegro.

- Todo mundo de parabéns. Nós merecíamos, fomos melhores o tempo todo. Se tivesse sido três ou quatro não seria absurdo. Diego (Alves) pegou uma minha sensacional - disse Roger, na saída de campo.

Os dois gols foram feitos no segundo tempo. O primeiro de cabeça, aproveitando rebote de bola que bateu na trave. O segundo, se antecipando a Rodholfo, após cruzamento rasteiro de Bruno Silva.

- Vou falar, mas é chover no molhado. Às vezes as pessoas distorcem. Sou 9 de área, a bola chega e ponho pra dentro - gabou-se Roger.

O triunfo também teve significado especial para Bruno Silva. O meio-campista lembrou o fim do jejum de vitórias diante do Flamengo. Desde março de 2015 o Alvinegro não derrotava o rival.

- Colamos no Flamengo e no G-6 do Brasileirão. Foi importante. A torcida merecia essa quebra de tabu. É descansar, quarta tem outra batalha - disse Bruno Silva.

Quarta-feira a parada é pela Libertadores. O Botafogo recebe o Grêmio, às 21h45, pelo duelo de ida das quartas de final do torneio. No Brasileiro, o time encerra a rodada com 34 pontos, em sétimo.

› FONTE: G1


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: