Macaé News
Cotação
RSS

Forças de segurança fazem operação em favelas do Rio

Publicado em 21/08/2017 Editoria: Segurança sem comentários Comente! Imprimir


As forças de segurança realizam, desde a madrugada desta segunda-feira, uma operação em seis favelas: Jacarezinho, Manguinhos, Mandela, Bandeira 2, Complexo do Alemão, Parque Arará. Os agentes também atuam no condomínio Morar Carioca, na Zona Norte. O objetivo é cumprir 14 mandados de prisão contra traficantes e apreender drogas. Até o momento, dez pessoas foram detidas.

Um dos presos é o recruta do Exército Matheus Ferreira Lopes, de 19 anos. Segundo a polícia, ele é suspeito de repassar informações sobre a megaoperação desta segunda-feira a traficantes. O soldado foi detido por agentes da Delegacia de Combate às Drogas (Dcod) nesta manhã e levado para a Cidade da Polícia.

A Operação Integrada reúne pelo menos mil homens das polícias Civil e Militar, das Forças Armadas, da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), da Força Nacional e da Agência Brasileira de Inteligência. Desde o início da manhã, militares do Exército, Marinha e Aeronáutica fazem cerco em algumas regiões.

Por causa da ação, algumas ruas no entorno das favelas foram interditadas e os espaços aéreos estão sendo controlados com restrições para aeronaves civis. Ainda não há registros de tiroteios e feridos nos locais.

Uma das comunidades onde ocorre a operação, o Jacarezinho registrou sete pessoas mortas em dez dias de tiroteio. Na comunidade, os agentes procuram os traficantes Adriano de Souza Ramos, conhecido como &39;Pierre&39;, e Paulo Henrique Godinho dos Santos, o &39;PH&39;.

Os militares procuram ainda Bruno Ricardo Correa da Silva, o &39;Lambão&39;, e os traficantes conhecidos como &39;Jefinho&39;, &39;Chacota&39;, &39;Lacraia&39; e &39;Índio&39;. Eles são suspeitos de chefiar o tráfico nas comunidades de Manguinhos, Mandela e Arará. Já Eduardo da Silva, o &39;Bamba&39;, Jean Carlos Ramos, o &39;Beni&39;, e Reinaldo dos Santos de Sena, o &39;Dedé&39;, atuam no Morro da Mangueira.

Os outros procurados são suspeitos de tráfico no Complexo do Alemão: Gláucio Cardoso dos Santos, o &39;Glaucinho do Engenho&39;, Sebastião Teixeira dos santos, o &39;Juninho 51&39;, Luciano Martiniano da Silva, o &39;Pezão&39; e Alexandre Gonçalves dos Santos, o &39;Pardal&39;.

Representantes das instituições envolvidos estão acompanhando a ação, em tempo integral, por meio do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova.

› FONTE: O Dia


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: