Macaé News
Cotação
RSS

Atendimento visa inclusão no mercado de trabalho

Publicado em 11/07/2017 Editoria: Empregos sem comentários Comente! Imprimir


A emissão da primeira e da segunda via da Carteira de Identidade e da Carteira de Trabalho é um dos serviços disponibilizados

A emissão da primeira e da segunda via da Carteira de Identidade e da Carteira de Trabalho é um dos serviços disponibilizados

A Secretaria Adjunta de Trabalho e Renda, por meio da Central do Trabalhador, recebeu nesta terça-feira (11) cerca de 200 pessoas encaminhadas pelo Centro POP, de apoio aos moradores em situação de rua, pela Pousada da Cidadania e também população em geral. O objetivo é inclusão no mercado de trabalho e resgate da cidadania.

A emissão da primeira e da segunda via da Carteira de Identidade e da Carteira de Trabalho é um dos serviços disponibilizados e também  documentos imprescindíveis para que o cidadão possa pleitear uma vaga no mercado de trabalho.

Entre os atendidos estava Fabrício de Paula Cerqueira, residente na Barra de Macaé, 33 anos e que foi em busca da segunda via de sua Carteira de Trabalho, que foi extraviada. Logo após esse extravio, Fabrício fez o Boletim de Ocorrência e, ao ser informado que poderia conseguir esse documento na sede da secretaria, buscou o local nesta terça-feira, conseguindo o que desejava. “Hoje o dia foi uma benção, graças a Deus. Estou buscando uma oportunidade de trabalho e sem esse documento, seria impossível", disse Fabrício.

Fábio da Conceição e Maria Lúcia Oliveira, também em busca de trabalho, aguardavam a vez para serem atendidos e estavam satisfeitos com a oportunidade. “Sem trabalho, tudo fica mais difícil. Espero conseguir minha vaga e não vejo a hora de chegar à mesa de atendimento”, disse Maria Lúcia. 

Nessas mesas de atendimento, os interessados apresentam aos funcionários da secretaria sua documentação original (CPF, Carteira de Identidade e Carteira de Trabalho) e comprovante de escolaridade, além das experiências de trabalho para cruzamento com as vagas oferecidas em empresas parceiras.

Quando um perfil se enquadra, a secretaria dá andamento ao trâmite. Se não, o trabalhador agenda novo comparecimento ao Balcão de Empregos.

Atendimento é na Barra de Macaé
Ligada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, a Secretaria Adjunta de Trabalho e Renda, situada na Rodovia Amaral Peixoto, em frente ao Estácio Cláudio Moacyr de Azevedo, na Barra de Macaé, desde o dia 4 de julho tem nova secretária, Ana Lúcia Ribeiro da Conceição.

Para Ana Lúcia, estar à frente desta secretaria é um desafio. “É uma coisa que gosto de fazer. Trabalho com a área social há 19 anos. Quando uma pessoa sai daqui com uma Carta de Emprego, não tem preço. É uma sensação maravilhosa”,frisou Ana Lúcia, ressaltando que entre os atendidos e que já foram encaminhados ao mercado de trabalho está Bruno Paiva Alves, que trabalhou como garçom na empresa Hotel Confort Suite durante dois anos e sete meses. “Estava parado há nove meses e gostei muito do atendimento. Foi excelente, não demorei nada aqui. Espero também que haja mais oportunidades de serviço, de trabalho para as pessoas que não têm condições, que necessitam. Eu consegui o encaminhamento e já me apresento amanhã”, disse Bruno. A secretária ressaltou que o atendimento acontece de segunda a sexta-feira, de 8 às 17 horas.

A Central do Trabalhador de Macaé tem hoje um total de 175 vagas ativas, entre elas bombeiro hidráulico, caldeireiro, cabeleireiro, comprador sênior, eletricista predial, isolador, motorista D, padeiro offshore e pedreiro refratarista.

Para se candidatar às vagas divulgadas, basta o trabalhador se cadastrar pelo site www.macae.rj.gov.br/trabalhoerenda, ou pessoalmente na Central do Trabalhador, o que facilita para quem não tem acesso à internet. Os interessados devem se cadastrar e agendar para vagas de emprego. Há também a inscrição para carteira de trabalho e de identidade.

Entre os projetos da secretaria adjunta estão visitas à região serrana e aos bairros para atendimento aos interessados em vagas no mercado de trabalho, facilitando a vida dos que moram nos distritos serranos e também nos bairros.

› FONTE: SECOM


sem comentários

Deixe o seu comentário

Digite as palavras abaixo: