Macaé News
Cotação
RSS

Escola Inayá: Bombeiros descartam suspeita de gás em Rio das Ostras

Publicado em 15/03/2014 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Bombeiros e Defesa Civil vistoriaram as instalações da escola Inayá e não encontraram vazamento de gás.

Bombeiros e Defesa Civil vistoriaram as instalações da escola Inayá e não encontraram vazamento de gás.

Nesta sexta, dia 14, alunos da Escola Municipal Inayá Moraes D´Couto, no Village, em Rio das Ostras passaram mal após ter tido contato com o que pode ser spray de pimenta, segundo os Bombeiros. Cerca de 50 alunos apresentaram ardência nos olhos, enjoo e leve dificuldade respiratória e foram atendidos no Hospital Municipal e Pronto-Socorro. Foi levantada a suspeita de vazamento de gás, o que foi logo descartado pelos Bombeiros, que vistoriaram todas as instalações. O prédio já foi liberado e as aulas no turno da tarde foram retomadas normalmente.

Na vistoria, as equipes do Corpo de Bombeiro e Defesa Civil também não encontraram nenhum dispositivo ou objetivo que pudesse estar relacionado ao ocorrido. O caso será investigado pela Polícia Civil para que possam ser identificados possíveis responsáveis.

O prefeito Sabino acompanhou de perto o trabalho da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e da Secretaria de Saúde. Ele conversou com os alunos e pais e buscou tranquilizar as pessoas.

Eliziany Felício disse que a filha Maria Clara, de 12 anos, que cursa o 6º ano na escola, teve um mal-estar por conta do nervosismo. “Ela estava na sala de aula, quando sentiu um cheiro forte, que parecia vir do banheiro. Com a correria dos alunos, ela ficou nervosa. Mas a escola atendeu logo as crianças e providenciou os carros para levá-las ao Pronto Socorro”, disse a mãe da aluna.

“Nenhuma criança que precisou ficou sem atendimento. As aulas foram suspensas apenas no período da manhã e liberadas à tarde, já que não havia mais qualquer risco para os estudantes e profissionais da unidade”, explicou a secretária de educação, Andrea Machado.

Na unidade estudam cerca de 800 alunos nos períodos da manhã, tarde e noite, turno da modalidade Educação de Jovens e Adultos. 

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário