Macaé News
Cotação
RSS

Projeto quer criar cidade flutuante para milhares de pessoas

Publicado em 27/12/2013 Editoria: Geral sem comentários Comente! Imprimir


Uma empresa da Flórida, nos Estados Unidos, está por trás da construção de uma cidade-navio que permitirá a seus moradores percorrer o mundo sem abandonar as atividades da vida cotidiana como trabalhar, estudar e comprar.

Em entrevista à Agência Efe, o promotor imobiliário Roger Gooch, vice-presidente da empresa Freedom Ship International, expôs as origens e filosofia de um projeto em que está embarcado há 15 anos, mas que só foi divulgado publicamente este mês.

Também falou das dificuldades para torná-lo realidade, principalmente pelo alto custo.

Com 1.372,5 metros de comprimento, 228,7 de largura e 106,7 de altura, a grande cidade-navio Freedom Ship of the Seas seria capaz, segundo os criadores, de abrigar de 50 mil a 100 mil pessoas divididas em 17 mil apartamentos e dar a volta ao mundo em um período de dois anos.

O projeto se divulga como "um lugar ideal para viver ou desenvolver uma empresa, uma comunidade amigável, segura e protegida com grandes extensões de espaço aberto de entretenimento e instalações recreativas", tudo isto em um deslocamento contínuo por todo o mundo.

"O conceito do Freedom Ship foi concebido pelo engenheiro Norman Nixon na década de 1990. Trabalhamos no projeto com Norman durante anos, e que demorou a se concretizar por falta de capital", disse Gooch a Efe.

Infelizmente, contou, Nixon morreu este ano "e estamos tentando levar sua visão à realidade".

A tarefa não é fácil, e embora a resposta, segundo Gooch, tenha sido bastante positiva desde que o projeto foi divulgado no início do mês, o certo é que precisa de um investimento inicial de US$ 1 bilhão. (Exame)

› FONTE: Macaé News (www.macaenews.com.br)


sem comentários

Deixe o seu comentário