Macaé News
Cotação
RSS

Ação conjunta realiza nova apreensão de pássaros na Região Serrana

Publicado em 26/10/2015 Editoria: Meio Ambiente sem comentários Comente! Imprimir


As denúncias podem ser feitas pelos telefones 0800 61 80 80 (“Linha Verde” do Ibama) ou 2796-1280 / 2796-1380.

As denúncias podem ser feitas pelos telefones 0800 61 80 80 (“Linha Verde” do Ibama) ou 2796-1280 / 2796-1380.

Dando prosseguimento a uma operação conjunta, iniciada na última semana, as secretarias de Ambiente e Ordem Pública (por meio da Guarda Ambiental) realizaram a apreensão de 18 pássaros silvestres, em uma residência no Distrito de Córrego do Ouro, Região Serrana de Macaé. A nova incursão foi realizada na sexta-feira (23).

Com esta apreensão, a operação conseguiu, ao todo, recuperar 32 aves, que foram recolhidas por não estarem de acordo com o registro nacional e em condições precárias de higiene. O proprietário, que não possuía licença do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) para criar os pássaros, foi notificado e autuado.
O comandante da Guarda Ambiental de Macaé, Madson Nazareno, destacou a importância de operações como esta. “Estas ações têm gerado um efeito positivo na defesa da fauna e da flora da cidade. Vamos continuar monitorando e apurando as denúncias encaminhadas”, afirmou.

“Atendemos  constantemente a denúncias e, dentro deste trabalho de monitoramento da Região Serrana, conseguimos êxito em mais esta ação que não ficou impune”, afirmou o coordenador de Fiscalização e Controle Ambiental, da Secretaria de Ambiente, Edinilson Régis.

Já o secretário de Ambiente, Gerson Lucas Martins, avaliou esta operação como um sucesso. “Denúncias e ações como esta reforçam a importância da prefeitura em combater a caça de animais silvestres. A secretaria iniciou uma campanha recente sobre este tema e vai continuar agindo para coibir estes crimes”, ressaltou.
Dentre as espécies apreendidas estão quatro do tipo tiê sangue, um tangará-dançador, um sanhaço, um sabiá-poca, dentre outros. Além dos pássaros, foram apreendidas cerca de dez gaiolas. Todos os animais recolhidos foram encaminhados para reabilitação, tratamento e, posterior soltura à natureza.

A caça de animais silvestres é proibida, sendo vedada pela Lei Federal de Crimes Ambientais e pelo Código Municipal de Meio Ambiente. De acordo com dados do Ministério do Meio Ambiente, de 12 a 38 milhões de animais são retirados da natureza anualmente de forma ilegal, sendo que 90% destes morrem entre a captura e a venda. Caso o cidadão queira colaborar, as denúncias podem ser feitas – de forma anônima, se preferir –, pelos telefones 0800 61 80 80 (“Linha Verde” do Ibama) ou 2796-1280 / 2796-1380.

› FONTE: Ascom


sem comentários

Deixe o seu comentário