Macaé News
Cotação
RSS

Público lota desfile de 202 anos de Macaé

Publicado em 30/07/2015 Editoria: Cultura sem comentários Comente! Imprimir


Cerca de seis mil pessoas compareceram ao desfile cívico-militar em comemoração aos 202 anos da Vila de Macaé na manhã desta quarta-feira (29). Com o tema “Educação nossa energia”, o desfile, realizado na Avenida Elias Agostinho, em Imbetiba, contou com cerca de quatro mil integrantes. Antes do evento, o prefeito Dr. Aluízio participou, junto com autoridades civis e militares, do hasteamento das bandeiras na frente da sede da prefeitura.

Participaram da solenidade o comandante do Forte Marechal Hermes, capitão de Artilharia Daniel Tenenbaum, o comandante da Delegacia da Capitania dos Portos, capitão de fragata Fábio dos Santos Riera, além do vereador Luciano Diniz.

Para o prefeito de Macaé, Dr. Aluízio, a comemoração deste dia 29 de julho é um marco para a história do município. “Em meio à situação delicada que o país se encontra, a população continua lutando e Macaé segue na construção de uma cidade boa para se trabalhar, morar, criar os filhos. Vamos continuar investindo em questões como saúde, educação, saneamento e segurança”, disse.

Dr. Aluízio agradeceu o apoio dos moradores da cidade. “O grande protagonista do aniversário de 202 anos é a população, que a cada dia está dando mais provas que é vocacionada ao bom acolhimento. Agradeço ao povo que continua lutando. Vivemos em uma cidade poliglota, que está dando verdadeiro exemplo de fé, serenidade e perseverança. Preparamos uma festa singela para este dia, que é iniciada com desfile e segue com inauguração da Praça Antônio Alvarez Parada e do Anfiteatro Josemar Alves Coutinho, área de convivência na Imbetiba, lugar onde no passado foram iniciadas muitas ações por conta do porto”, observou.

O prefeito elencou também as inaugurações dedicadas aos 202 anos de Macaé. “Fizemos questão de preparar a entrega do restaurante popular da Aroeira, que vai receber trabalhadores de bairros próximos e funcionará em um espaço adequado com toda segurança alimentar. O aniversário também será marcado pela inauguração do novo Hospital Público Municipal Irmãs do Horto. Esta é mais uma conquista para cidade, que se destaca por ser polo de saúde e medicina de alta complexidade”, afirmou.

Desfile - O desfile contou com a participação de cerca de três mil alunos de 80 escolas municipais. De acordo com o Secretário de Educação, Guto Garcia, o objetivo foi destacar a potencialidade da educação como um todo. “Primamos por apresentar alguns projetos pedagógicos que são desenvolvidos na rede municipal e enfatizar ações como o incentivo à leitura, esportes e outros conhecimentos. A programação foi preparada para ser uma festa voltada para a valorização de saberes, como a leitura. Estamos satisfeitos com o envolvimento de todos. Este momento não será esquecido”, comentou.

Presente, o secretário de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, Vandré Guimarães, comentou que a programação de 202 anos marca um momento em que Macaé se transforma na cidade das oportunidades. “Mesmo na atual situação do Brasil, nosso município apresenta um ambiente favorável para se viver e empreender por meio de negócios. Macaé está no caminho certo de alavancar a economia e consequentemente o desenvolvimento social”, observou.

Programação-  A Avenida Elias Agostinho ficou lotada para o desfile em comemoração aos 202 anos da Vila de Macaé.  A programação contou com a Capitania dos Portos (Marinha), Forte Marechal Hermes (Exército), Defesa Civil, Guarda Municipal, Associação Macaense de Apoio aos Cegos (Amac), Casa do Idoso e grupos da Terceira Idade, Associação Macaense do Deficiente Auditivo (Amada), Grupo Portadores da Alegria, representantes do Correio Comunitário, 95º Escoteiros de Macaé e Ordem DeMolay.

Durante o evento, os participantes abordaram temas diversos como esportes, valores, sustentabilidade e cultura nacional. Um dos destaques do desfile foi a apresentação do Pelotão da Leitura, que contou com o ônibus da Biblioteca sobre Rodas e integrou alunos junto aos professores caracterizados de personagens de contos infantis. As unidades municipais Professora Leda Maria Lêdo Esteves e Fantina de Mello relembraram as histórias do Sítio do Picapau Amarelo. Já as escolas Eléa Tatagiba de Azevedo e Anna Benedicta da Silva Santos também fizeram da avenida um lugar de “faz de contas”. Com roupas coloridas e muita alegria, a garotada foi alvo de elogios do público. Para a dona de casa Neiva dos Santos Martins, o desfile deste ano será inesquecível. “Foi tudo muito bonito”, opinou.

Já a musicalidade e a coreografia arrancaram aplausos do público, que teve a oportunidade de assistir ao desfile de unidades como Polivalente Anísio Teixeira (Costa do Sol), Municipal Jamil Andrade (Generino Teotônio de Luna -Virgem Santa), Ciep Municipalizado Oscar Cordeiro (Aeroporto), Carolina Curvello Benjamin (Trapiche), Elza Ibrahim (Ajuda), Ancyra Gonçalves Pimentel (Miramar) e Maria Isabel Damasceno Simão (Centro).

Participaram ainda os pelotões das bandeiras das escolas Cláudio Moacyr de Azevedo (Aeroporto), Colégio Estadual Luiz Reid e Jacyra Tavares Duval (Novo Cavaleiros). O desfile também foi marcado pelos integrantes do programa Nova Vida e a animação dos representantes do “Macaé Oilers Futebol Americano” com jogadores e torcida, apresentação da equipe do Macaé Basquete, além dos jogadores de Corfebol, modalidade esportiva ministrada na rede municipal.

O evento também contou com os veteranos do Polivalente, que fizeram apresentação especial à frente da tenda em que estava o prefeito Dr Aluízio e autoridades. A ocasião ainda registrou homenagem da Corporação Musical Luiz Reid à primeira-dama do município, Vera Ladeira. Integrantes da Corporação Musical de Arraial do Cabo também prestigiaram o evento.
Além disso, a avenida recebeu alunos dos programas da rede municipal Mais Educação e InovareAprender-Robótica, além de representantes do Colégio de Aplicação (CAp), que lembraram os cinco anos de funcionamento. O encerramento foi marcado pela alegria dos integrantes do Motoclube de Macaé, Veteranos da Secretaria de Educação e servidores da Educação, que cantaram o hino do município.

Estrutura - Para melhor atender à população, o evento contou com banheiros químicos e atuação das secretarias operacionais de Defesa Civil, Limpeza Pública, Ordem Pública, Mobilidade Urbana e Saúde.

› FONTE: ASCOM


sem comentários

Deixe o seu comentário